As feiras de arte voltarão em 2020?

Por Anny Shaw

À medida que os isolamentos por coronavírus são estendidos por grande parte do mundo, deixando as galerias impossibilitadas de negociar, as esperanças estão diminuindo para que os eventos do segundo semestre possam acontecer.

O destino das feiras de arte de 2020 está na balança. Como em muitos países a quarentena continua em um esforço para conter a pandemia de coronavírus, os revendedores estão cada vez mais questionando se, depois de meses sem negócios, eles poderão se permitir participar da abundância de feiras remarcadas que ocorrerão neste outono. Mesmo que as quarentenas sejam suspensas e as galerias possam pagar as taxas do estande antecipadamente, quantas vão querer pular de avião em um centro de convenções lotado em setembro, quando a Art Basel, em Basileia, emergirá como a primeira grande feira desde o surto atual?

“Estando em Londres, eu poderia participar da Frieze London, mas Basileia acontecer em setembro com tantas outras atividades”, diz um revendedor anônimo de Londres que se inscreveu nas duas feiras, que estão agendadas com menos de três semanas de diferença.

Mesmo em áreas domésticas, o custo de fazer feiras é um obstáculo considerável para os revendedores que enfrentam alguns meses de mudança. Em uma tentativa de avaliar a opinião, a Frieze enviou uma carta aos expositores na semana passada, na qual seus diretores dizem que estão “repensando nossos processos e cronogramas, o que inclui revisar nossos termos e datas de quando as galerias se comprometem com a feira”.

Fundamentalmente para revendedores sem dinheiro, a Frieze também está analisando suas condições de pagamento – seus diretores dizem que estão cientes da “responsabilidade da feira de apoiar galerias durante esses tempos difíceis”. A lista de expositores deve ser finalizada no final de junho.

Enquanto isso, a Art Basel deu aos expositores até 1º de maio para reconfirmar sua participação para “avaliar se o novo momento é viável”, diz uma porta-voz da feira. “É provável que os novas datas não funcionem para todos os que foram originalmente selecionados ou que algumas galerias precisem de mais tempo para considerar”. O apetite por feiras pode aumentar no final do ano: a taxa de reaplicação da Art Basel em Miami Beach em dezembro é de 90% – “um resultado tranquilizador, dada a situação atual”, diz a porta-voz.

Elsa Ravazzolo Botner, sócia e diretora da galeria brasileira A Gentil Carioca, diz que “espera que a situação seja melhor para todos em dezembro”, mas teme que Art Basel em Basileia seja inviável para sua galeria. “A Europa pode estar melhor até então, mas isso não significa que o Brasil estará fora da crise. Não sabemos se conseguiremos voar e muito menos enviar obras de arte ”, diz ela.

Frieze. New York, on Randals Island, MAy 5th, 2016

A questão na boca de muitos revendedores é se os colecionadores vão querer viajar no outono. Como diz um proprietário de uma galeria: “Muitos colecionadores estabelecidos estão na faixa etária mais avançada. Está tudo muito bem em fazermos as feiras, mas se os colecionadores não comparecerem, não seria melhor para todos reduzir nossas perdas este ano? ” Outro negociante de Londres, que prefere permanecer anônimo, diz que sua galeria planeja participar da Frieze London, “mas não se achar que as pessoas não comparecerão”. Ele acrescenta: “Espero que haja alguma luta darwiniana com a vitória mais certa e justa”.

Falando na CNN Money, a revendedora suíça Dominique Lévy diz que não prevê ninguém que queira visitar uma feira de arte antes que uma vacina para o Covid-19 seja encontrada. “Chegou a hora do mundo da arte ser realista […] no momento, nossa saúde, nossa responsabilidade e dever social são muito mais importantes. Não vejo nenhuma feira de arte acontecendo antes do próximo ano”, diz ela. No gargalo de cerca de sete grandes eventos entre setembro e dezembro, a revendedora diz que a galeria Lévy Gorvy só consideraria participar de dois ou três – se as feiras fossem adiante. Mas ela acredita que isso é improvável: “Eu não acho que eles terão permissão: isso vale para [Tefaf] Maastricht [em Nova York], Basileia e Miami”.

A colecionadora de Turim Patrizia Sandretto Re Rebaudengo também acha que é “muito duvidoso” se alguma feira ocorrerá neste outono. Se confirmada, ela diz que consideraria viajar para destinos europeus – para Art Basel, Frieze London e Fiac em Paris. No entanto, com as feiras provavelmente afetadas “nos próximos meses”, o colecionador sugere que “podem se tornar menos internacionais, pelo menos por um tempo”. Sandretto Re Rebaudengo, cuja feira local Artissima deve ocorrer em novembro, acrescenta: “É possível, portanto, que o atendimento de revendedores, colecionadores e profissionais não seja global, mas sim em escala regional.”

Fonte e tradução: The Art Newspaper

Compartilhar:
Notícias - 09/04/2021

Inhotim e Arte1 firmam parceria para exibição da série Diálogos

Duas instituições voltadas para a arte acabam de se unir para disseminar conteúdos de qualidade para o público. O Instituto …

Notícias - 08/04/2021

Conheça Bruna Pessoa de Queiroz, presidente da “Usina da Arte”

Ancorada numa tradição cultural “artistocrática”, a família Pessoa de Queiroz revive desde 2015 uma antiga fábrica de cana-de-açúcar perto do …

Notícias - 08/04/2021

Galeria Nara Roesler representa o Brasil na EXPO CHGO ONLINE

Com o apoio do projeto Latitude – Platform for Brazilian Art Galleries Abroad, uma parceria da ABACT (Associação Brasileira de …

Notícias - 08/04/2021

INSTITUTO TOMIE OHTAKE ABRE AS INSCRIÇÕES PARA O 5º PRÊMIO TERRITÓRIOS

Iniciativa idealizada e coordenada pelo Instituto Tomie Ohtake, com patrocínio da Estácio e do Grupo GPS, em parceria com o …

Notícias - 07/04/2021

Conheça o jovem que saiu da Vila Vintém para defender o acesso à cultura em Boston

Como já vem sendo feito há alguns anos, a Brazil Conference at Harvard & MIT 2021, evento criado por …

Notícias - 07/04/2021

Nova galeria de arte vende obras com o tema "identidade"

Inaugurada no mês de celebração ao Dia Mundial das Mulheres, a Pequena Galeria apresenta cinco artistas mulheres de diferentes regiões …

Notícias - 06/04/2021

Obras de Antony Gormley colocadas na praia dividem opiniões

Esperava-se que incentivassem a apreciação da arte contemporânea. Mas, em vez disso, quatro esculturas de ferro de Antony Gormley parecem …

Notícias - 06/04/2021

National Gallery cria sua primeira mostra projetada para telefones celulares

A National Gallery apresentará sua primeira exposição projetada para telefones celulares, permitindo que as pessoas vivenciem com detalhes incríveis uma …

Notícias - 06/04/2021

Visitas aos 100 principais museus e galerias do mundo caem 77% devido a Covid

O número de visitantes nos 100 principais museus e galerias de arte do mundo caiu 77% no ano passado, de …

Notícias - 05/04/2021

Exposição artística mais extensa do mundo é realizada no Caminho de Santiago

“Las Estrellas del Camino” é uma exposição permanente com curadoria de Estrella Galicia e realização da agência AUPA!. A mostra …

Notícias - 05/04/2021

Inscrições para a ArtRio 2021 prorrogadas até 30 de abril

As inscrições para as galerias que desejam participar da 11ª edição da ArtRio foram prorrogadas até o dia 30 de …

Notícias - 31/03/2021

Instituto Cultural Vale lança programa gratuito de formação em Gestão Contemporânea das Artes

O Instituto Cultural Vale lança nesta terça-feira, 30, seu programa de formação em Gestão Contemporânea das Artes. Voltado para profissionais …