Em Londres, Feira de Arte Contemporânea Africana está mantida, apesar do cancelamento do Frieze

Benji Reid, Lua em uma nuvem (2019). Cortesia Galeria de outubro.

Uma versão reduzida do evento retornará à Somerset House em outubro

Em uma notícia muito necessária para o mercado de arte de Londres, os organizadores da 1-54 Feira de Arte Africana Contemporânea anunciaram que seguirão em frente neste outono europeu, apesar do cancelamento da Frieze London e da Frieze Masters.

Um número reduzido de galerias participará da edição ao vivo, e a feira fez uma parceria com a Christie’s para produzir uma interação on-line simultânea aberta a mais expositores.

Cerca de 20 galerias internacionais – menos da metade do número que foi exibido no ano passado – participarão da feira presencial na Somerset House entre os dias 8 e 10 de outubro. A lista de galerias participantes será divulgada em setembro.

A decisão foi tomada depois que muitas das galerias participantes da feira expressaram o desejo de avançar mesmo com o cancelamento da Frieze Art Fair.

“Muitas das galerias estão realmente engajadas com o projeto – e realmente precisam vender também -, pelo que vemos estão muito interessadas em ter uma experiência física”, disse a diretora fundadora da feira, Touria El Glaoui.

Eria Sane, Nsubuga Queen Faith Ringgold holding a Hermes Birkig bag and a head of Libertas, 2019

“Um dos únicos comentários negativos que recebemos de nossa colaboração on-line anterior foi que, por mais que as galerias vendessem, elas não conseguiam desenvolver contatos e relacionamentos reais com os colecionadores”, acrescenta ela. (A feira fez sua estreia on-line durante sua versão de Nova York em maio.)

Os visitantes da versão reduzida da feira terão de cumprir as medidas agora padrão para proteger a saúde pública: terão que reservar bilhetes com tempo limitado e acesso VIP on-line; capacidade será controlada; e haverá um caminho de mão única para os visitantes que se deslocarem pela feira. Sistemas sem contato estarão em vigor, bem como as agora onipresentes estações de higienização das mãos.

“As galerias estão cientes de que será uma feira muito mais local, provavelmente haverá menos pessoas viajando de lugares diferentes na Europa, e elas concordam com isso porque desejam conhecer pessoas que moram em Londres ”, diz El Glaoui.

Para aqueles baseados no continente africano ou em outros lugares que desejam uma presença física, mas não acreditam que poderão viajar até outubro, El Glaoui está procurando soluções alternativas.

“Estamos tentando descobrir como podemos fazê-los participar, talvez com o trabalho, mas não com eles mesmos, e mandar alguém gerenciar seus estandes para eles”, diz El Glaoui.

Enquanto isso, todas as galerias originalmente aceitas na feira poderão participar da edição on-line por uma taxa de £ 3.000. A Christie’s não está recebendo nenhuma comissão adicional nas vendas.

El Glaoui diz que a versão online também fornece um backup caso o evento seja cancelado, caso em que uma parte dos honorários dos expositores será reembolsada, enquanto outra será colocada na edição online deste ano.

A feira reduzida será acompanhada por seu popular programa de palestras, exibição de filmes e outros eventos, incluindo painéis de discussão organizados pela jornalista Julia Grosse e a nova curadora geral do Stedelijk, Yvette Mutumba.

Fonte e tradução: Artnet news

Compartilhar:
Notícias - 07/12/2021

Culturas Indígenas e Favelas são temas de novos museus de São Paulo

O Governador João Doria anunciou nesta segunda-feira (6) um investimento total de R﹩ 40 milhões para ampliação do Museu da …

Notícias - 06/12/2021

Começam as as obras de ampliação da Pinacoteca de São Paulo

O Governo de São Paulo anunciou, nesta terça-feira (23), o início das obras da Pinacoteca Contemporânea, o novo prédio …

Notícias - 03/12/2021

Jeff Koons e Cicciolina voltam aos holofotes

Um artista que fez a escultura de uma serpente enrolada em uma pedra para a estrela do cinema adulto italiano …

Notícias - 03/12/2021

Lista de mais poderosos da arte contemporânea traz líder surpreendente

ERC-721, a especificação para o “token não fungível” na rede Ethereum, está em primeiro lugar no ranking anual dos mais …

Notícias - 02/12/2021

Fotografiska pretende se tornar o maior museu privado do mundo

Fotografiska, o museu sueco com fins lucrativos, está adicionando três novos locais à sua lista de unidades já existentes: além …

Notícias - 01/12/2021

Restauro de obras de arte do Metrô de São Paulo vira documentário

Em curso desde 2019 e com as primeiras etapas registradas em um documentário disponível no YouTube com aproximadamente …

Notícias - 01/12/2021

Obra icônica de Banksy vai a leilão pela Bolsa de Arte SP

Pela primeira vez, uma obra de Banksy irá a leilão na América Latina – no dia 10 de fevereiro, na …

Notícias - 30/11/2021

Inhotim recebe o Museu de Arte Negra idealizado por Abdias Nascimento

Poeta, escritor, dramaturgo, curador, artista plástico, professor universitário, pan-africanista e parlamentar, Abdias Nascimento (1914-2011), indicado oficialmente ao prêmio Nobel da …

Notícias - 30/11/2021

Museu Judaico de São Paulo é inaugurado

A partir do dia 5 de dezembro de 2021, abre para visitação o Museu Judaico de São Paulo (MUJ), espaço …

Notícias - 29/11/2021

Festival de performances abre convocatória

Festival Atos de Fala completa 10 anos e sua sexta edição – que acontece de 19 de janeiro a 02 …

Notícias - 29/11/2021

Prêmio Arcanjo de Cultura divulga indicados e retoma cerimônia presencial

Valorizar e premiar nossa cultura e seus artistas em tempos tão difíceis é a missão do Prêmio Arcanjo de Cultura, …

Notícias - 26/11/2021

Steve McCurry e a resiliência da infância em fotos

De meninas enfrentando o Mar de Sulu a crianças em idade escolar no Afeganistão, no novo livro Stories and Dreams …