Você pode visitar 500 museus internacionais no conforto de sua casa graças ao Google

The Bedroom de Vincent van Gogh, 1888

Morrendo de vontade de visitar um museu de arte, mas preso em casa durante a crescente crise de saúde global? O Google Arts and Culture pode ajudar. O site de arte do gigante da tecnologia oferece acesso online a 500 organizações culturais em todo o mundo, de museus a locais históricos, todos visíveis sem sair de casa.

A plataforma virtual, lançada em 2016, apresenta algumas das instituições de maior prestígio do planeta, compartilhando tesouros de artistas como o Museu Hermitage em São Petersburgo, o Rijksmuseum em Amsterdã e a Galeria Uffizi em Florença, o Museu Britânico em Londres, o Museu Reina Sofia em Madri e o Museu Kunsthistoriches em Viena. Portanto, mesmo que você precise adiar suas próximas férias na Europa, ainda pode explorar online algumas das principais coleções do continente.

Para aqueles que desejam conhecer os museus de Nova York, também há acesso virtual ao Metropolitan Museum of Art, ao Museum of Modern Art, à Frick Collection e ao Solomon R. Guggenheim Museum, para citar apenas algumas das principais instituições.

Cada instituição participante oferece fotografias dos destaques de sua coleção, que podem ser classificadas por data, cor e popularidade. Alguns até oferecem passeios de 360 graus no estilo do Google Street View das galerias, quase como se você estivesse realmente andando pelos corredores do Museo Frida Kahlo na Cidade do México ou pela estação de trem Beaux-Arts que é o Musée d’Orsay em Paris.

O Google Arts and Culture também oferece uma oportunidade única de explorar instituições menores que talvez você nunca teria descoberto.

Você sabia, por exemplo, que existe um Museu Nacional do Cowboy e do Patrimônio Ocidental em Oklahoma? A plataforma mostra uma exposição dedicada à história dos rodeios, além de obras do grande pintor e escultor Frederic Remington. E em Corpus Christie, Texas, há o Museu Selena, comemorando a carreira muito breve da amada cantora mexicana-americana Selena Quintanilla, que morreu em 1995.

Descobertas internacionais também são abundantes. Em Toronto, há a Fundação de Arte Durdy Bayramov , dedicada ao artista do Turcomenistão. Ou você pode explorar a coleção do Kobe Fashion Museum do Japão , a primeira instituição do país a se especializar em moda.

Você pode até levar um portal para o passado, seguindo os passos dos visitantes da Bienal de Veneza de 2015 e outras exposições que não estão mais em cartaz.

Compartilhar:
Notícias - 23/10/2020

Olafur Eliasson projeta 'nossas perspectivas glaciais' como um instrumento astronômico

Artista Olafur Eliasson revela sua última obra de arte pública permanente, ‘nossas perspectivas glaciais’, ao longo da geleira hochjochferner do …

Notícias - 23/10/2020

Pintura de Klimt roubada - enterrada por 20 anos - volta a ser exibida em museu italiano

Descoberto pelo jardineiro da galeria Ricci Oddi no ano passado, o Retrato de uma Senhora será a estrela de uma …

Notícias - 23/10/2020

Vândalos atacaram 70 obras de arte em museus de Berlim em plena luz do dia

Um líquido oleoso foi derramado sobre muitas obras no que foi considerado o pior ataque à arte e antiguidades na …

Notícias - 23/10/2020

Guerra declarada entre museu e herdeiros de Piet Mondrian para recuperação de pinturas no valor de US$ 200 milhões

Como parte de um esforço contínuo de anos para recuperar os direitos de propriedade de várias pinturas criadas pelo modernista …

Notícias - 23/10/2020

Pintura de Jacob Lawrence, desaparecida há décadas, foi encontrada de forma inusitada

O painel do renomado artista negro, parte de sua série “Struggle”, foi visto pela última vez em 1960. Mas alguém …

Notícias - 21/10/2020

SESC SÃO PAULO EM NOVA ETAPA, RETOMADA GRADUAL CONTEMPLA EXPOSIÇÕES, BIBLIOTECAS E EXIBIÇÃO DE FILMES NO CINESESC

 O anúncio da aguardada Fase Verde, a penúltima e mais branda de uma  escala de cinco etapas do Plano São …

Notícias - 16/10/2020

Instituição coloca à venda pintura de David Hockney em meio a tensões financeiras

Na semana passada, a Royal Opera House de Londres anunciou planos de vender o Retrato de Sir David Webster de …

Notícias - 16/10/2020

Itáu Cultural reabre com mostras de Sandra Cinto e ocupação de Rino Levi

O Itaú Cultural (IC) retomou a partir de terça-feira (13) suas atividades presenciais. Neste momento, o público pode visitar as …

Notícias - 16/10/2020

Marina Abramović terá a primeira obra de arte de realidade mista vendida em leilão

Marina Abramović é uma das artistas contemporâneas mais conhecidas do mundo, mas muito de seu trabalho é efêmero: performances que …

Notícias - 16/10/2020

Juíza anuncia nova decisão sobre caso Inhotim e surpreende

O instituto assinou um acordo em 2016 para doar 20 obras de seu acervo ao governo, a fim de reembolsar …

Notícias - 16/10/2020

Como obras redescobertas de velhos mestres vêm de destacando em leilões com números extraordinários?

A Christie’s realizará seu leilão de Velhos Mestres durante as vendas clássicas da semana na sede do Rockefeller Center. Ao …

Notícias - 16/10/2020

Escultura de Medusa nua vira símbolo do movimento #meetoo e causa polêmica

Na maioria dos casos de violência sexual, sempre se pergunta à vítima: ‘Bom, o que você fez para provocá-lo?’ Questões …