Visitas aos 100 principais museus e galerias do mundo caem 77% devido a Covid

O número de visitantes nos 100 principais museus e galerias de arte do mundo caiu 77% no ano passado, de 230 milhões em 2019 para apenas 54 milhões, com a pandemia forçando o fechamento em uma escala sem precedentes. A pesquisa realizada anualmente pelo Art Newspaper há mais de 20 anos costuma ser otimista, destacando quais museus tiveram bons anos e quais foram as exposições mais populares, seja em Londres, Nova York ou São Paulo. Os números de 2020, no entanto, foram preocupantes, com museus e galerias devastados pelo fechamento forçado, queda no número de visitantes e enormes quedas nas receitas.

O Louvre em Paris manteve sua posição como o museu mais visitado do mundo graças em grande parte ao final de sua exposição Leonardo, que atraiu mais de 10.000 visitantes por dia antes de fechar em fevereiro de 2020. Ao longo do ano, o museu teve 2,7 milhões de visitas, 72% abaixo de 2019 com uma perda de rendimento estimada de € 90M. Alison Cole, editora do Art Newspaper, disse que vale a pena lembrar que “em um ano normal, mais de 9 milhões de pessoas se acotovelariam para ver a Mona Lisa no Louvre”. A Tate Modern em Londres, que apresentou exposições incluindo Andy Warhol e Bruce Nauman, ficou em segundo lugar na tabela de popularidade com 1,4 milhão de visitas, queda de 77%. Ela ficou fechada por 173 dias e disse que perdeu £ 56 milhões em receita. Ele superou o Museu Britânico como o museu ou galeria de arte mais visitado do Reino Unido, o que pode ser explicado pelo fato de a Tate Modern ter permanecido aberta por mais dias no ano. O British Museum, que ocupou o primeiro lugar no Reino Unido por nove dos últimos 10 anos, ficou em quarto lugar na lista global. Ficou fechado por 208 dias – cerca de sete meses – com o número de visitantes caindo 80%, para 1,3 milhão. Em terceiro lugar na tabela de popularidade estão os Museus do Vaticano, com o número de visitantes caindo 81%. O quinto foi o Reina Sofia de Madri, que ficou fechado por apenas 80 dias. Isso se compara a 155 dias para a National Gallery de Londres (7º) e 202 dias para o Metropolitan Museum of Art de Nova York (8º).

O museu asiático mais visitado na pesquisa foi o Museu de Arte Contemporânea do Século 21 do Japão em Kanazawa (9º). Só esteve fechado por 66 dias, mas ainda assim registrou uma queda de 63% no número de visitantes. Cole disse que o impacto da pandemia nos museus foi desastroso e que o clima geral permaneceu sombrio. “Embora haja uma feliz antecipação da data de reabertura para 17 de maio no Reino Unido, a capacidade reduzida devido às medidas da Covid e à escassez de turistas significa que a maioria dos grandes museus espera cerca de quatro anos até retornarem à situação pré-pandêmica”.

De acordo com o Art Newspaper, houve um total combinado de 41.000 dias de fechamento forçado para os principais museus do mundo, o que equivale a “112 anos de visitas perdidas e centenas de milhões de libras em receita perdida”. Nos EUA, o quadro varia de estado para estado, revela a pesquisa. Os fechamentos variaram de 75 dias (Museu de Arte Americana de Crystal Bridges, Arkansas) a 225 dias (Museu de Arte Americana Smithsonian, Washington DC). A Nova Zelândia, uma das histórias de sucesso em lidar com a pandemia, saiu comparativamente bem na pesquisa, com museus fechados por menos tempo do que a média global e, quando reabriram, poucos limites de capacidade. O menos afetado de seus principais museus foi a Galeria de Arte de Christchurch Te Puna o Waiwhetū, que fechou por 54 dias e registrou uma queda de 28% no número de visitantes.

Outros museus britânicos na pesquisa incluem o V&A, o 13º mais popular, com 215 dias de fechamento e uma queda de visitantes de 78%; e o Museu Nacional da Escócia, 40º na lista, com 159 dias de fechamento e queda de 80% no número de visitantes. Não está na lista a National Portrait Gallery em Londres, que, observam os autores da pesquisa, “escolheu o momento perfeito para um fechamento planejado de três anos”.

 

Compartilhar:
Notícias - 26/11/2021

Steve McCurry e a resiliência da infância em fotos

De meninas enfrentando o Mar de Sulu a crianças em idade escolar no Afeganistão, no novo livro Stories and Dreams …

Notícias - 26/11/2021

Veja resenha de nova biografia de Magritte, um homem de mistério

Ao contrário de seus contemporâneos surrealistas, René Magritte tendia a manter Freud à distância de sua obra – embora poucos artistas ofereçam …

Notícias - 26/11/2021

A 'amizade íntima' de Basquiat e Warhol é explorada em drama

A exposição prometia ser de tirar o fôlego, com os dois artistas usando luvas de boxe no pôster. Mas a ansiosamente …

Notícias - 26/11/2021

Imagem da semana: Um espírito emerge de um depósito de lixo no Senegal

Outside Dakar, capital do Senegal, é um depósito de lixo com seu próprio nome: Mbeubeuss. O terreno onde fica situado foi …

Notícias - 26/11/2021

A moda esquisita de Helmut Newton - em imagens

As sessões inusitadas do fotógrafo para revistas como Vogue e Vanity Fair tiveram uma influência duradoura nas artes visuais – …

Notícias - 18/11/2021

Frida Kahlo bate recorde em leilão da Sotheby's

Três lágrimas escorrem pelo rosto de Kahlo, seu cabelo solto sobre os ombros, enquanto a imagem de seu marido, o …

Notícias - 18/11/2021

artistas se unem em projeto pela descriminalização do aborto

“Eu acho que a arte sintetiza uma maneira de falar as coisas que atinge o coração das pessoas de um …

Notícias - 17/11/2021

Revelado o comprador do Giacometti de US$ 78,4 milhões

O chinês Justin Sun, de 31 anos, bilionário em tecnologia e fundador da plataforma de criptomoeda TRON, anunciou-se como o …

Notícias - 17/11/2021

Casa Fiat de Cultura abre seleção para a Piccola Galleria

A Casa Fiat de Cultura está com inscrições abertas para o 5º Programa de Seleção da Piccola Galleria. Artistas brasileiros …

Notícias - 17/11/2021

Artistas cubanos boicotam a Bienal de Havana

Antes da abertura da Bienal de Havana deste ano, artistas e ativistas cubanos estão fazendo um apelo veemente ao boicote …

Notícias - 12/11/2021

4ª Bienal recebe Maria Gadú e BNegão em ativação de obra

Um dos destaques da programação pública da 34ª Bienal de São Paulo – Faz escuro mas eu canto são as …

Notícias - 12/11/2021

Galerias brasileiras marcam presença na Artissima XYZ e na Paris Photo

Os eventos de arte continuam em alta pelo mundo e a participação de galerias brasileiras nesse circuito internacional artístico ganha …