Rumos Itaú Cultural lança livro de Guy Veloso sobre encomendadores de almas

O lançamento do livro Penitentes – dos ritos de sangue à fascinação do fim do mundo acontece na 10º Foto em Pauta – Festival de Fotografia de Tiradentes de 18 a 22 de março de 2020.
A busca pelo sagrado faz parte da vida do fotógrafo paraense Guy Veloso desde a infância, quando assistia à passagem do Círio de Nazaré em frente à casa de sua avó, em Belém. Porém, é sobre a Ordem de Penitentes que desenvolveu, ao longo de 17 anos, vasta pesquisa composta por dados e fotos, registrando 203 grupos em 13 estados, nas cinco regiões do país. Parte deste estudo será lançado em forma de livro, intitulado Penitentes – dos ritos de sangue à fascinação do fim do mundo, no 10º Foto em Pauta – Festival de Fotografia de Tiradentes, que acontece entre os dias 18 e 22 de março de 2020. Contemplado pelo Rumos Itaú Cultural 2017-2018, é o primeiro volume brasileiro de fotografias que aborda o tema com abrangência nacional. Com curadoria de Rosely Nakagawa, a obra apresenta 97 fotos da manifestação em oito estados brasileiros.

Capa do livro Penitentes – dos ritos de sangue à fascinação do fim do mundo

Os penitentes, também chamados de encomendadores de almas, são grupos religiosos laicos. Grande parte deles são secretos e místicos, que na Quaresma e Semana Santa saem à noite em procissão rezando pelos espíritos sofredores. Visitam cemitérios, cruzeiros, capelas e encruzilhadas. Em casos mais extremos, praticam a autoflagelação nos modelos da Europa medieval. Várias destas confrarias, como são chamados os grupos, jamais tinham sido documentadas antes deste projeto.

A dedicação de Veloso ao registrar a história desses grupos acabou sendo reconhecida por um deles. A chefa do grupo De Trás da Banca, de Juazeiro (BA), Jesulene Ribeiro, conhecida como Dona Nenezinha, considera o fotógrafo membro da congregação. Contudo, esse reconhecimento veio acompanhado de direitos e deveres. Segundo Veloso, por ter permissão para participar de cultos fechados, é obrigado a obedecer às determinações de Dona Nenezinha sempre que está em Juazeiro.

O fotógrafo conta que, apesar de as pessoas que pertencem a esses grupos quase sempre se declararem católicas, ele encontrou diversos sinais de sincretismo velado ao acompanhar esses rituais. Desde paradas predeterminadas para rezar em sete locais, que muitas vezes ficavam em encruzilhadas, até relatos de psicofonia e vidência. A crença na presença de espíritos e na influência deles sobre os vivos, está presente em praticamente todos os 203 grupos por ele pesquisados. Veloso foi, em 2009, o primeiro pesquisador a provar a existência do ritual a Encomendação das Almas nas cinco regiões do país.

A pesquisa de Guy Veloso sobre os penitentes já lhe rendeu duas exposições: a primeira, em 2010, na 29ª Bienal de São Paulo, e a segunda durante a 4ª Bienal das Américas, em Denver, nos Estados Unidos, em 2017. Dono de um dos maiores bancos de imagens sobre religiosidade brasileira, Veloso participou de mais de 150 exposições. Suas obras fazem parte do acervo do Museu de Arte de São Paulo (MASP), do Museu de Arte Moderna de São Paulo (MAM), do Museu de Arte do Rio de Janeiro (MAR), da Essex Collection of Art from Latin America, na Inglaterra, e da Coleção Nacional de Fotografia do Centro Português de Fotografia, em Portugal, entre outras instituições.

Compartilhar:
Notícias - 04/08/2021

Justiça embarga projeto de túnel rodoviário perto de Stonehenge

Um tribunal anulou os planos de construir uma estrada perto de Stonehenge em uma decisão que está sendo saudada por …

Notícias - 02/08/2021

Artista transforma boate em um pântano 3D

Parece familiar e estranho ao mesmo tempo. Muitos berlinenses passaram pela Berghain, a casa noturna mais famosa da Alemanha, mas …

Notícias - 30/07/2021

Artefatos indígenas falsos estão sendo vendidos por museus e galerias canadenses

Um negociante canadense admitiu vender arte indígena fraudulenta a várias lojas de museus e outras empresas de arte na Colúmbia …

Notícias - 30/07/2021

Em chamas: Trágedia atinge a história da Cinemateca Brasileira

Na noite de quinta-feira, 29 de julho de 2021, a Cinemateca Brasileira foi engolida pelas chamas na zona oeste de …

Notícias - 29/07/2021

road-movie de Lúcia Murat investiga artistas latinoamericanas

Livremente inspirado na peça “Há mais futuro que passado” o road-movie “Ana. Sem Título”, da diretora Lúcia Murat (“Praça Paris”, …

Notícias - 29/07/2021

Conheça alguns dos artistas já definidos para a Bienal de Veneza

O fluxo de e-mails anunciando quais artistas estão representando seus respectivos países na Bienal de Veneza de 2022 tem sido …

Notícias - 29/07/2021

Galeria Marília Razuk exibe projeto a partir de diálogo entre artistas

Trazer ao público o processo de uma exposição que se desdobra no espaço e no tempo por meio de módulos …

Notícias - 29/07/2021

Prêmio PIPA anuncia Exposição dos Vencedores de 2020

Com uma trajetória de mais de dez anos no cenário da arte contemporânea, o Prêmio PIPA, uma iniciativa do Instituto …

Notícias - 28/07/2021

Sesc São Paulo promove exposição com obras de artistas indígenas

Encontros Ameríndios, exposição que entra em cartaz no Sesc Vila Mariana a partir do dia 31 de julho, traz um …

Notícias - 27/07/2021

Galeria Arte132 abre em São Paulo com exposição de Alex Flemming

Com foco na produção artística brasileira, a Arte132, galeria comandada por Telmo Porto abre suas portas em Moema, zona sul …

Notícias - 27/07/2021

Conheça os artistas e as obras da abertura dos Jogos Olímpicos de Tóquio

Enquanto a estrela do tênis japonesa Naomi Osaka carregava a tocha olímpica escada acima durante a cerimônia de abertura dos …

Notícias - 27/07/2021

Instituto Artium abre as portas em São Paulo

O Instituto Artium, entidade cultural sem fins lucrativos, fundada em 2019, abre as portas para o público com exposição coletiva …