Ruas de São Luís recebem performances

Erivelton Viana

Quando corpo e rua se encontram, muitas histórias podem ser contadas e, mais do que isso, podem ser sentidas e vividas. O Centro Cultural Vale Maranhão apresenta o Programa Território Corpo, que acontece de 13 a 23 de outubro, e que, neste ano, vai ocupar as ruas do Centro de São Luís (MA) para levar a arte até as pessoas e provocá-las, de forma natural, a viverem experiências únicas.

Serão duas semanas de performances, intervenções urbanas, experimentações artísticas, oficinas, debates e residência, com o foco principal de democratizar a arte e promover a  identificação dos transeuntes com as histórias contadas sobre as relações entre corpo, arte e sociedade, a partir de diferentes perspectivas.

“A rua é o lugar de criação artística e experiência estética mais democrático que há, sempre nos brindando com temas urgentes, que precisam e devem ser debatidos. Levar a programação do Território Corpo para a rua é uma forma de proporcionar isso, por meio de investigações e experiências coreográficas. Para o artista é jogar com o inesperado, com o improviso; para o público, é a oportunidade de estabelecer conexões em diferentes linguagens, participando e interferindo diretamente nas performances e nas oficinas propostas”, afirma o diretor e coordenador artístico do Centro Cultural Vale Maranhão, Gabriel Gutierrez

Qual a sua imagem de maternidade? Qual a sua imagem de feminino? Qual a sua imagem de corpo na cidade? Essas perguntas serão respondidas por meio de autorretratos produzidos pelas mulheres que toparem participar da performance: Revela-se/Rebela-se! de Lidya Ferreira, que acontecerá no dia 22 de outubro. Cada uma delas poderá criar com seu corpo e com alguns objetos, três imagens referentes às questões propostas.

Andrea Guzman

Já a performance Mergulho III, de Áurea Maranhão, marcada para 15 de outubro, abordará o ciclo vida-morte-vida por meio de um jogo cênico estabelecido entre a imagem e a música, criando ritmos e frequências sonoras, convidando os transeuntes a mergulharem nas partituras e movimentos da performer dentro de uma banheira ao ar livre.

Na programação de conversas, o destaque fica por conta do bate-papo “Viver a cidade – olhares e experiências no centro de São Luís”, com: Maria de Jesus Almeida, Jandir Gonçalves e Vicente Martins Jr, que acontecerá no dia 14 de outubro, e traz a importância da rua como lugar de vivências estéticas no seu cotidiano e como plataforma de manifestações artísticas.

Outra conversa que merece atenção é a “Rua das Mulheres”, com Valda Lino, Andrea Guzmán Jerez e Lidya Ferreira, realizada no dia 19 de outubro, e que trará a rua como espaço de revolução feminina.

Entre as oficinas, a Matrake, com Negroni e Davi Blyndex, agendada para os dias 20 e 21 de outubro, trará dois dias de workshop, com aulas de conhecimento e expressão corporal e o tradicional Vogue Femme da cultura Ballroom, que nasceu nos Estados Unidos nos anos 60. Para pôr em prática os movimentos, o encerramento será um desfile pelas ruas e praças do Centro de São Luís, mostrando porque o Vogue é sinônimo de ocupação, resistência e celebração da comunidade negra latino-americana LGBTQIAP+.

Na Oficina de Lambe, com Dinho Araújo, marcada para os dias 16 e 23 de outubro, a fotografia e a performance interagem como modos de encontro com o espaço da Praia Grande e do Desterro, bairros do Centro Histórico de São Luís, a partir da criação de uma dança-imagem. Dividida em dois momentos, entre conversa e prática, a ação apresenta diferentes tipos de papéis e recursos de impressão disponíveis para execução de um mural de lambe-lambe, convidando a pensar o território do Centro por meio do corpo e da intervenção urbana.

“Na rua, os territórios do corpo fazem morada e constroem imagens, habitam os fluxos urbanos, compõem as arquiteturas e perpassam pelo campo do material e do imaterial. Há uma cultura e uma pluralidade estética que é própria da rua, há uma beleza na existência que só acontece no encontro com a rua. Assim, ir ao encontro da rua e das potencialidades artísticas que esta oferece, pode ser uma maneira de ir ao encontro de si mesmo na relação com o outro, na relação com mundo”, afirma o professor e diretor teatral Abimaelson Santos, que assina a curadoria do programa com o artista Calu Zabel.

Confira os resumos das performances e parte da programação, que pode ser conferida na íntegra por meio deste CLICANDO AQUI

Mergulho III, de Áurea Maranhão

Compartilhar:
Notícias - 03/12/2021

Jeff Koons e Cicciolina voltam aos holofotes

Um artista que fez a escultura de uma serpente enrolada em uma pedra para a estrela do cinema adulto italiano …

Notícias - 03/12/2021

Lista de mais poderosos da arte contemporânea traz líder surpreendente

ERC-721, a especificação para o “token não fungível” na rede Ethereum, está em primeiro lugar no ranking anual dos mais …

Notícias - 02/12/2021

Fotografiska pretende se tornar o maior museu privado do mundo

Fotografiska, o museu sueco com fins lucrativos, está adicionando três novos locais à sua lista de unidades já existentes: além …

Notícias - 01/12/2021

Restauro de obras de arte do Metrô de São Paulo vira documentário

Em curso desde 2019 e com as primeiras etapas registradas em um documentário disponível no YouTube com aproximadamente …

Notícias - 01/12/2021

Obra icônica de Banksy vai a leilão pela Bolsa de Arte SP

Pela primeira vez, uma obra de Banksy irá a leilão na América Latina – no dia 10 de fevereiro, na …

Notícias - 30/11/2021

Inhotim recebe o Museu de Arte Negra idealizado por Abdias Nascimento

Poeta, escritor, dramaturgo, curador, artista plástico, professor universitário, pan-africanista e parlamentar, Abdias Nascimento (1914-2011), indicado oficialmente ao prêmio Nobel da …

Notícias - 30/11/2021

Museu Judaico de São Paulo é inaugurado

A partir do dia 5 de dezembro de 2021, abre para visitação o Museu Judaico de São Paulo (MUJ), espaço …

Notícias - 29/11/2021

Festival de performances abre convocatória

Festival Atos de Fala completa 10 anos e sua sexta edição – que acontece de 19 de janeiro a 02 …

Notícias - 29/11/2021

Prêmio Arcanjo de Cultura divulga indicados e retoma cerimônia presencial

Valorizar e premiar nossa cultura e seus artistas em tempos tão difíceis é a missão do Prêmio Arcanjo de Cultura, …

Notícias - 26/11/2021

Steve McCurry e a resiliência da infância em fotos

De meninas enfrentando o Mar de Sulu a crianças em idade escolar no Afeganistão, no novo livro Stories and Dreams …

Notícias - 26/11/2021

Veja resenha de nova biografia de Magritte, um homem de mistério

Ao contrário de seus contemporâneos surrealistas, René Magritte tendia a manter Freud à distância de sua obra – embora poucos artistas ofereçam …

Notícias - 26/11/2021

A 'amizade íntima' de Basquiat e Warhol é explorada em drama

A exposição prometia ser de tirar o fôlego, com os dois artistas usando luvas de boxe no pôster. Mas a ansiosamente …