Rachaduras em pinturas antigas como a Mona Lisa ajudam as obras de arte a sobreviver por séculos

Leonardo da Vinci, Mona Lisa (1503-1517). Cortesia do Louvre, via Wikipedia Commons.

Rachaduras em pinturas antigas, como a Mona Lisa, parecem feias, mas podem ser a chave para manter as obras estáveis ​​ao longo dos séculos, segundo uma nova pesquisa.

A pesquisa descobriu que os restauradores devem ser cautelosos ao preencher as rachaduras, pois a rede de fraturas impede mais danos à obra de arte.

A rede de fissuras permite que a superfície se expanda e contraia sem descascar a tinta e oferece proteção contra a degradação.

Pictured, the cracks on the face of a figure depicted in The Last judgement by Hans Memling which is more than 500 years old. researchers found the cracks may be the key to its strength

Na foto acima, as rachaduras no rosto de uma figura retratada no julgamento de Hans Memling com mais de 500 anos de idade. Pesquisadores descobriram que as rachaduras podem ser a chave para sua força.

Rachaduras em pinturas antigas, como a Mona Lisa (na foto abaixo) parecem feias, mas podem ser a chave para manter as obras estáveis ​​ao longo dos séculos, de acordo com uma nova pesquisa

Antes do século XVI, a maioria das pinturas era pintada em painéis de madeira.

A superfície preenchida de pinturas a óleo colocadas em painéis de madeira oferece maior resistência a mudanças de umidade no ar do que outras telas.

A Mona Lisa, por exemplo, de Leonardo da Vinci, é pintada em um painel de álamo e possui uma superfície altamente rachada, conhecida como craquelure na restauração de arte.

Rachaduras em pinturas antigas, como a Mona Lisa (na foto) parecem feias, mas podem ser a chave para manter as obras estáveis ​​ao longo dos séculos, de acordo com uma nova pesquisa

Uma equipe da Academia Polonesa de Ciências, da Universidade de Estrasburgo e da Universidade de Yale investigou rachaduras na camada aplicada a um painel de madeira como base.

Este chamado gesso é uma mistura de cola animal e pigmento branco.

Quando a madeira se expande devido ao aumento da umidade, ou quando encolhe quando o ar fica seco, o gesso se quebra.

Os pesquisadores prepararam painéis de madeira e juntaram-se a eles com gesso preparado de acordo com receitas tradicionais.

As amostras foram armazenadas a 25 °C e com umidade relativa de 30, 50, 75 e 90% por duas semanas antes de serem submetidas a testes de divisão, que medem a resistência dos gessos à fissuração.

Compartilhar:
Notícias - 11/01/2021

Artista mineira Marina Amaral entra para lista da Forbes

A colorista mineira Marina Amaral entrou para a lista da Forbes dos jovens mais influentes do ano.  A Under 30 …

Notícias - 11/01/2021

Iphan e Polícia Federal resgatam material arqueológico no Acre

Na manhã do dia 5 de janeiro, uma ação conjunta do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) no …

Notícias - 11/01/2021

Exposição do estilista Tomo Koizumi inicia o Departamento de Moda, Design e Arquitetura da Fundação Iberê

Em 2021, a Japan House São Paulo (JHSP) vai expandir sua presença pelo Brasil, por meio de um projeto de …

Notícias - 11/01/2021

Pinacoteca de São Paulo divulga programação de 2021

 

Em 2021, a Pinacoteca de São Paulo, museu da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo, …

Notícias - 28/12/2020

Os universos díspares da Rússia contemporânea pelas lentes de Serguei Maksimishin em “O Último Império”

A exposição “O Último Império – Serguei Maksimishin”, que esteve no Museu Oscar Niemeyer (MON), em Curitiba, entre dezembro de …

Notícias - 20/12/2020

Consciência diante do perigo: as representações do medo ao longo da História da Arte

Quando Susan Sontag fala que fotografia é sobre dor, ela fala sobre Arte. Quando Susan afirma que “fotos são um …

Notícias - 19/12/2020

São Paulo ganha mural em homenagem às comunidades indígenas afetadas pela pandemia

As Nações Unidas e a ViaQuatro, concessionária responsável pela operação e manutenção da Linha 4-Amarela, em São Paulo, se unem …

Notícias - 18/12/2020

Farol Santander abre hoje mostra do artista chileno Iván Navarro

Abre hoje, 18 de dezembro, no Farol Santander São Paulo, a exposição ExFinito, primeira grande mostra individual no país do …

Notícias - 17/12/2020

Conheça os 91 projetos selecionados do Rumos Itaú Cultural 2019/2020

A Dasartes participou na última quarta-feira, 16 de dezembro, na coletiva de imprensa do Itaú Cultural, que anunciou os projetos selecionados …

Notícias - 17/12/2020

REGINA BONI ANUNCIA INAUGURAÇÃO DA GALERIA SÃO PAULO FLUTUANTE EM 2021

Para quem afrontou militares e a extrema direita em plena ditadura nos anos 60, não seria uma pandemia em escala …

Notícias - 17/12/2020

Itaú Cultural lança publicação com trabalhos de artes visuais selecionados em edital

No dia 15 de dezembro entrou no ar, no site do Itaú Cultural, www.itaucultural.org.br, uma publicação virtual que reúne as …

Notícias - 17/12/2020

CASA FIAT DE CULTURA DIVULGA SELECIONADOS PARA EXPOR NA PICCOLA GALLERIA

O 4º Programa de Seleção da Piccola Galleria da Casa Fiat de Cultura já tem os nomes dos artistas selecionados …