Pinturas roubadas há mais de 40 anos são recuperadas graças ao plano de um prefeito alemão

As pinturas recuperadas expostas em Berlim.

Quando o prefeito de uma pequena cidade alemã recebeu uma fotografia no ano passado, que apresentava uma pintura pendurada na parede de uma sala, ele reconheceu o trabalho imediatamente. Foi uma das cinco pinturas de antigos mestres roubadas do Palácio Friedenstein em Gotha, há quase 40 anos, em um caso audacioso que a temida polícia da Alemanha Oriental não conseguiu resolver. Agora, os tesouros roubados foram devolvidos sãos e salvos.

O prefeito Knut Kreuch negociou através de intermediários que atuavam em nome de vendedores anônimos, que inicialmente exigiam milhões de euros pelas obras. No que foi descrito como um “golpe de mestre”, os objetos foram devolvidos silenciosamente em setembro passado, chegando em Berlim por van, e nenhum resgate foi pago.

Na semana passada, as cinco pinturas foram reveladas, assim como a operação para recuperá-las. Nesta semana, eles aparecem no Palácio Friedenstein de onde foram tiradas em 1979.

As pinturas, há muito perdidas, incluem um retrato de Frans Hals, uma pintura de Hans Holbein, o Velho, uma obra que Jan Lievens pensava ser e uma paisagem da oficina de Jan Brueghel, o Velho. A quinta pintura é uma cópia de um artista desconhecido de um auto-retrato de Van Dyck. Todas as pinturas datam de meados do século XVI ao século XVII. O Art Newspaper relata seu valor em cerca de € 4 milhões.

Retrato de Frans Hals de um cavalheiro desconhecido com chapéu e luvas (por volta de 1535).

Não está claro se as autoridades não querem ou não sabem dizer quem são os suspeitos do crime, além do fato de serem residentes alemães. Acredita-se que os trabalhos tenham sido contrabandeados para a Alemanha Ocidental na década de 1980 e, portanto, passados ​​pela Cortina de Ferro.

O chamado roubo a Gotha foi o maior assalto à arte já realizado na antiga República Democrática Alemã. O país ficou atordoado quando as obras desapareceram no início da manhã de 14 de dezembro de 1979. A polícia não conseguiu recuperar as pinturas, apesar de interrogar mais de 1.000 pessoas, incluindo os funcionários do palácio e suas famílias.

Desde seu retorno em setembro, as pinturas foram autenticadas por especialistas do Laboratório de Pesquisa Rathgen dos Museus do Estado de Berlim como as roubadas em 1979.

Bodo Ramelow, o ministro-presidente do Estado Livre da Turíngia, disse que o retorno das pinturas preencheu “uma dolorosa lacuna no edifício histórico”, referindo-se ao antigo palácio barroco, que data do século XVII.

As obras serão exibidas no Schloss Friedenstein em Gotha nos próximos seis dias antes de serem restauradas. Uma exposição que conta a história do roubo e a improvável recuperação das pinturas está sendo planejada para 2021.

Fonte: Artnet News

Compartilhar:
Notícias - 19/10/2021

Vem aí a primeira exposição de arte contemporânea nas pirâmides do Egito

Pela primeira vez na história, as pirâmides de Gizé servirão de cenário para uma exposição de arte contemporânea. Forever Is …

Notícias - 18/10/2021

17ª SP-Arte aposta em modelo híbrido

Em sua 17ª edição, a SP-Arte – Festival Internacional de Arte de São Paulo, acontece de 20 a 24 de …

Notícias - 18/10/2021

Museus de Viena estão expondo obras no site adulto OnlyFans

Em um esforço para evitar a censura por plataformas de mídia social como Instagram, Facebook e TikTok, o Conselho de …

Notícias - 15/10/2021

Ruas de São Luís recebem performances

Quando corpo e rua se encontram, muitas histórias podem ser contadas e, mais do que isso, podem ser sentidas e …

Notícias - 15/10/2021

Centro do Rio ganha novo espaço de arte

Os cariocas e o Centro do Rio de Janeiro ganham uma nova opção de cultura com conteúdo e lazer. Com …

Notícias - 12/10/2021

Projeto Latitude apoia participação de galerias brasileiras na Frieze London, FIAC Paris 2021 e SP-Arte 2021

Marcando presença em importantes feiras internacionais, cinco galerias brasileiras figurarão em dois eventos de grande prestígio no mês de outubro, …

Notícias - 12/10/2021

Leilão de fotos em NFT destinará arrecadação para ações do SOS Pantanal

Até o dia 16/10 ocorre, virtualmente, o primeiro leilão de fotos em NFT 100% beneficente para ajudar em ações de …

Notícias - 12/10/2021

Museu em Roterdã inaugura ambicioso projeto e abre sua reserva técnica para visitação

O Depot [depósito] Boijmans Van Beuningen deve abrir suas portas no dia 6 de novembro de 2021 – tornando toda …

Notícias - 08/10/2021

Sotheby's anuncia obra prima de Botticelli em leilão

 

Primeiro, em julho de 2019, houve o especulativo Retrato de um Jovem, catalogado como “No estilo de Botticelli”, que foi …

Notícias - 08/10/2021

Feira em Dubai é acusada de censurar "Davi", de Michelangelo

Uma cópia impressa em 3D do David de Michelangelo está no centro da controvérsia em Dubai, onde expositores obscureceram os …

Notícias - 06/10/2021

Descoberta versão casta da "Madonna" de Munch

Na década de 1890, a representação erótica da Madona por Edvard Munch, retratada com as mãos levantadas atrás das costas …

Notícias - 06/10/2021

Mercado de arte contemporânea se recupera com quase três bilhões em vendas no último ano

O mercado de arte contemporânea arrecadou um recorde de US $ 2,7 bilhões em vendas entre junho de 2020 e …