Pinturas roubadas há mais de 40 anos são recuperadas graças ao plano de um prefeito alemão

As pinturas recuperadas expostas em Berlim.

Quando o prefeito de uma pequena cidade alemã recebeu uma fotografia no ano passado, que apresentava uma pintura pendurada na parede de uma sala, ele reconheceu o trabalho imediatamente. Foi uma das cinco pinturas de antigos mestres roubadas do Palácio Friedenstein em Gotha, há quase 40 anos, em um caso audacioso que a temida polícia da Alemanha Oriental não conseguiu resolver. Agora, os tesouros roubados foram devolvidos sãos e salvos.

O prefeito Knut Kreuch negociou através de intermediários que atuavam em nome de vendedores anônimos, que inicialmente exigiam milhões de euros pelas obras. No que foi descrito como um “golpe de mestre”, os objetos foram devolvidos silenciosamente em setembro passado, chegando em Berlim por van, e nenhum resgate foi pago.

Na semana passada, as cinco pinturas foram reveladas, assim como a operação para recuperá-las. Nesta semana, eles aparecem no Palácio Friedenstein de onde foram tiradas em 1979.

As pinturas, há muito perdidas, incluem um retrato de Frans Hals, uma pintura de Hans Holbein, o Velho, uma obra que Jan Lievens pensava ser e uma paisagem da oficina de Jan Brueghel, o Velho. A quinta pintura é uma cópia de um artista desconhecido de um auto-retrato de Van Dyck. Todas as pinturas datam de meados do século XVI ao século XVII. O Art Newspaper relata seu valor em cerca de € 4 milhões.

Retrato de Frans Hals de um cavalheiro desconhecido com chapéu e luvas (por volta de 1535).

Não está claro se as autoridades não querem ou não sabem dizer quem são os suspeitos do crime, além do fato de serem residentes alemães. Acredita-se que os trabalhos tenham sido contrabandeados para a Alemanha Ocidental na década de 1980 e, portanto, passados ​​pela Cortina de Ferro.

O chamado roubo a Gotha foi o maior assalto à arte já realizado na antiga República Democrática Alemã. O país ficou atordoado quando as obras desapareceram no início da manhã de 14 de dezembro de 1979. A polícia não conseguiu recuperar as pinturas, apesar de interrogar mais de 1.000 pessoas, incluindo os funcionários do palácio e suas famílias.

Desde seu retorno em setembro, as pinturas foram autenticadas por especialistas do Laboratório de Pesquisa Rathgen dos Museus do Estado de Berlim como as roubadas em 1979.

Bodo Ramelow, o ministro-presidente do Estado Livre da Turíngia, disse que o retorno das pinturas preencheu “uma dolorosa lacuna no edifício histórico”, referindo-se ao antigo palácio barroco, que data do século XVII.

As obras serão exibidas no Schloss Friedenstein em Gotha nos próximos seis dias antes de serem restauradas. Uma exposição que conta a história do roubo e a improvável recuperação das pinturas está sendo planejada para 2021.

Fonte: Artnet News

Compartilhar:
Notícias - 11/01/2021

Artista mineira Marina Amaral entra para lista da Forbes

A colorista mineira Marina Amaral entrou para a lista da Forbes dos jovens mais influentes do ano.  A Under 30 …

Notícias - 11/01/2021

Iphan e Polícia Federal resgatam material arqueológico no Acre

Na manhã do dia 5 de janeiro, uma ação conjunta do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) no …

Notícias - 11/01/2021

Exposição do estilista Tomo Koizumi inicia o Departamento de Moda, Design e Arquitetura da Fundação Iberê

Em 2021, a Japan House São Paulo (JHSP) vai expandir sua presença pelo Brasil, por meio de um projeto de …

Notícias - 11/01/2021

Pinacoteca de São Paulo divulga programação de 2021

 

Em 2021, a Pinacoteca de São Paulo, museu da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo, …

Notícias - 28/12/2020

Os universos díspares da Rússia contemporânea pelas lentes de Serguei Maksimishin em “O Último Império”

A exposição “O Último Império – Serguei Maksimishin”, que esteve no Museu Oscar Niemeyer (MON), em Curitiba, entre dezembro de …

Notícias - 20/12/2020

Consciência diante do perigo: as representações do medo ao longo da História da Arte

Quando Susan Sontag fala que fotografia é sobre dor, ela fala sobre Arte. Quando Susan afirma que “fotos são um …

Notícias - 19/12/2020

São Paulo ganha mural em homenagem às comunidades indígenas afetadas pela pandemia

As Nações Unidas e a ViaQuatro, concessionária responsável pela operação e manutenção da Linha 4-Amarela, em São Paulo, se unem …

Notícias - 18/12/2020

Farol Santander abre hoje mostra do artista chileno Iván Navarro

Abre hoje, 18 de dezembro, no Farol Santander São Paulo, a exposição ExFinito, primeira grande mostra individual no país do …

Notícias - 17/12/2020

Conheça os 91 projetos selecionados do Rumos Itaú Cultural 2019/2020

A Dasartes participou na última quarta-feira, 16 de dezembro, na coletiva de imprensa do Itaú Cultural, que anunciou os projetos selecionados …

Notícias - 17/12/2020

REGINA BONI ANUNCIA INAUGURAÇÃO DA GALERIA SÃO PAULO FLUTUANTE EM 2021

Para quem afrontou militares e a extrema direita em plena ditadura nos anos 60, não seria uma pandemia em escala …

Notícias - 17/12/2020

Itaú Cultural lança publicação com trabalhos de artes visuais selecionados em edital

No dia 15 de dezembro entrou no ar, no site do Itaú Cultural, www.itaucultural.org.br, uma publicação virtual que reúne as …

Notícias - 17/12/2020

CASA FIAT DE CULTURA DIVULGA SELECIONADOS PARA EXPOR NA PICCOLA GALLERIA

O 4º Programa de Seleção da Piccola Galleria da Casa Fiat de Cultura já tem os nomes dos artistas selecionados …