O Louvre reabriu e agora os visitantes poderão ver a Mona Lisa praticamente sozinhos

PARIS, FRANCE - MARCH 01: The Louvre Museum in Paris, the most visited Museum in the World, which shut today over concerns over France's coronavirus outbreak, after staff voted not to open on March 1, 2020 in Paris, France. France has reported 100 cases of the Covid-19 virus, and in an effort to curb the spread of the virus the French government has banned all indoor gatherings of more than 5,000 people. (Photo by Kiran Ridley/Getty Images)

O museu perdeu cerca de US $ 45 milhões desde o desligamento e espera que a assistência caia.

Em 6 de julho, o Museu do Louvre, em Paris, o maior museu de arte do mundo, foi reaberto pela primeira vez em quase quatro meses .

Mas a experiência que os amantes da arte esperam visitar a instituição de 227 anos será muito diferente.

Os visitantes terão que reservar um horário para entrar, e máscaras serão obrigatórias para todos os visitantes com 11 anos ou mais, anunciou a instituição nesta semana. As placas guiarão os visitantes da galeria na direção unidirecional e o vestiário estará fechado, o que significa que malas e outras sacolas grandes não serão permitidas.

Apenas 70% do museu de 900 mil metros quadrados será aberto ao público. Felizmente para os visitantes, isso incluirá muitas das seções mais visitadas do local, incluindo galerias de antiguidades gregas e romanas; os salões de pinturas italianos, espanhóis e ingleses; e as áreas dedicadas à pintura francesa do século 19. Os maiores sucessos individuais do museu, como a Vitória Alada de Samotrácia e Vênus de Milo, também estarão em exibição.

E quando se trata do maior atrativo do Louvre, novas políticas podem realmente ser um benefício para os espectadores de arte.

Mona Lisa, que antes só podia ser vista entre multidões de pessoas que tiram selfie, estará aberta a dois visitantes por vez, em divisões de 10 a 15 minutos. Aqueles que esperam para ver a obra-prima de Leonardo devem fazer fila em linhas espaçadas.

Para a instituição, a reabertura é um retorno bem-vindo aos negócios – e receita. O Louvre teria perdido US$ 45 milhões desde o seu fechamento em março.

A venda de ingressos compõe grande parte da receita do museu. Em 2018, a instituição registrou um recorde de 10,2 milhões de visitantes, no valor de quase US$ 100 milhões em receita. No entanto, as expectativas após a reabertura são modestas, especialmente considerando que as fronteiras da França ainda estão fechadas para viajantes fora da União Europeia.

Em uma entrevista ao New York Times , o presidente do Louvre, Jean-Luc Martinez, explicou que, em média, mais de 75% dos visitantes do museu são turistas. O número aumenta para 80% durante o pico da temporada de verão.

“Após os ataques terroristas de 11 de setembro de 2001, perdemos 40% de nossos visitantes e levamos três anos para voltar aos trilhos”, disse Martinez ao Times. “Após os ataques terroristas de 2015 na França e em outros lugares da Europa, tivemos outra queda de 40%, mas tudo normalizou depois de um ano.”

“Desta vez, não sabemos o que vai acontecer”, disse ele. “Nosso pior cenário é que levaremos três anos para voltar aos níveis normais de visitação”.

Martinez explicou que o maior desafio do museu é reconquistar o público francês, que tradicionalmente compõe uma pequena parte de sua audiência anual.

Perguntado pelo Times se ele acha que o museu receberá 10 milhões de visitantes por ano, apesar de especialistas sugerirem uma mudança permanente no “turismo de massa”, Martinez ofereceu uma sugestão moderadamente ousada.

“Ao contrário do que algumas pessoas pensam, o mundo após o coronavírus não será tão diferente do mundo de antes.”

Fonte e tradução: Artnet News

Compartilhar:
Notícias - 23/10/2020

Olafur Eliasson projeta 'nossas perspectivas glaciais' como um instrumento astronômico

Artista Olafur Eliasson revela sua última obra de arte pública permanente, ‘nossas perspectivas glaciais’, ao longo da geleira hochjochferner do …

Notícias - 23/10/2020

Pintura de Klimt roubada - enterrada por 20 anos - volta a ser exibida em museu italiano

Descoberto pelo jardineiro da galeria Ricci Oddi no ano passado, o Retrato de uma Senhora será a estrela de uma …

Notícias - 23/10/2020

Vândalos atacaram 70 obras de arte em museus de Berlim em plena luz do dia

Um líquido oleoso foi derramado sobre muitas obras no que foi considerado o pior ataque à arte e antiguidades na …

Notícias - 23/10/2020

Guerra declarada entre museu e herdeiros de Piet Mondrian para recuperação de pinturas no valor de US$ 200 milhões

Como parte de um esforço contínuo de anos para recuperar os direitos de propriedade de várias pinturas criadas pelo modernista …

Notícias - 23/10/2020

Pintura de Jacob Lawrence, desaparecida há décadas, foi encontrada de forma inusitada

O painel do renomado artista negro, parte de sua série “Struggle”, foi visto pela última vez em 1960. Mas alguém …

Notícias - 21/10/2020

SESC SÃO PAULO EM NOVA ETAPA, RETOMADA GRADUAL CONTEMPLA EXPOSIÇÕES, BIBLIOTECAS E EXIBIÇÃO DE FILMES NO CINESESC

 O anúncio da aguardada Fase Verde, a penúltima e mais branda de uma  escala de cinco etapas do Plano São …

Notícias - 16/10/2020

Instituição coloca à venda pintura de David Hockney em meio a tensões financeiras

Na semana passada, a Royal Opera House de Londres anunciou planos de vender o Retrato de Sir David Webster de …

Notícias - 16/10/2020

Itáu Cultural reabre com mostras de Sandra Cinto e ocupação de Rino Levi

O Itaú Cultural (IC) retomou a partir de terça-feira (13) suas atividades presenciais. Neste momento, o público pode visitar as …

Notícias - 16/10/2020

Marina Abramović terá a primeira obra de arte de realidade mista vendida em leilão

Marina Abramović é uma das artistas contemporâneas mais conhecidas do mundo, mas muito de seu trabalho é efêmero: performances que …

Notícias - 16/10/2020

Juíza anuncia nova decisão sobre caso Inhotim e surpreende

O instituto assinou um acordo em 2016 para doar 20 obras de seu acervo ao governo, a fim de reembolsar …

Notícias - 16/10/2020

Como obras redescobertas de velhos mestres vêm de destacando em leilões com números extraordinários?

A Christie’s realizará seu leilão de Velhos Mestres durante as vendas clássicas da semana na sede do Rockefeller Center. Ao …

Notícias - 16/10/2020

Escultura de Medusa nua vira símbolo do movimento #meetoo e causa polêmica

Na maioria dos casos de violência sexual, sempre se pergunta à vítima: ‘Bom, o que você fez para provocá-lo?’ Questões …