Na cadeia: Conheça a curiosa história do pintor que falsificava obras do Velho Mestre

Giuliano Ruffini vendeu várias pinturas dos Velhos Mestres, incluindo esta obra de Frans Hals, vendida por Mark Weiss através da Sotheby's em 2011.

Um homem ligado a um alto escândalo de falsificação do Velho Mestre, o pintor Lino Frongia, terá que esperar quatro meses até que seja tomada uma decisão sobre sua prisão e transferência para Paris, determinou o tribunal de apelação da região italiana de Emília. O pedido de transferência foi feito pelo juiz francês Aude Burési, que lidera a investigação criminal do caso de falsificação que domina o mercado de arte nos últimos quatro anos.

Em 29 de outubro, o artista, cujo nome verdadeiro é Pasquale Frongia, compareceu ao tribunal em Bolonha para contestar um mandado que levou à sua prisão em Emília em 10 de setembro. Um dia depois, ele foi libertado sob supervisão judicial. O tribunal concordou em pedir esclarecimentos à promotoria de Paris antes de tomar sua decisão em 28 de fevereiro.

Careca, magro, com bigode aparado e costeletas prateadas, Frongia, 61 anos, ficou em silêncio durante toda a audiência. Mas sua advogada, Tatiana Minchiarelli, disse que “existem elementos insuficientes para justificar um mandado de prisão europeu”. O promotor chamou a atenção para o fato de que Frongia havia recebido € 740.000 por conta suíça de Mathieu Ruffini, filho de Giuliano Ruffini, que vendeu dezenas de pinturas supostamente atribuídas a Lucas Cranach, Frans Hals, Brueghel e outros antigos mestres ao longo de várias décadas. Em maio passado, o juiz francês emitiu mandados de prisão para os dois homens que vivem na mesma região. Seus mandados também estão sendo examinados por um tribunal de Milão, que espera proferir sua decisão antes do final do ano.

O advogado de Frongia insistiu que o cliente dela só foi atraído pelo escândalo porque ele emprestou uma pintura para uma exposição no El Greco em Treviso. A obra foi apreendida em maio de 2016 por suspeita de falsificação. Na época, Frongia recebeu apoio de seu amigo e ex-ministro da cultura Vittorio Sgarbi, que alegou que o trabalho era um genuíno El Greco, que Frongia comprou na presença de Sgarbi e sob seu conselho. Apesar de um tribunal local decidir que a obra seja devolvida ao seu proprietário, o juiz francês a manteve como evidência e para exame científico. O advogado também pediu o levantamento da supervisão judicial do artista. Apesar das objeções do promotor, que citou as importantes quantias que mudaram de mãos na Suíça, o tribunal suspendeu a supervisão judicial em 31 de outubro, considerando que Frongia provavelmente não seria um risco de fuga.

Compartilhar:
Notícias - 03/12/2021

Jeff Koons e Cicciolina voltam aos holofotes

Um artista que fez a escultura de uma serpente enrolada em uma pedra para a estrela do cinema adulto italiano …

Notícias - 03/12/2021

Lista de mais poderosos da arte contemporânea traz líder surpreendente

ERC-721, a especificação para o “token não fungível” na rede Ethereum, está em primeiro lugar no ranking anual dos mais …

Notícias - 02/12/2021

Fotografiska pretende se tornar o maior museu privado do mundo

Fotografiska, o museu sueco com fins lucrativos, está adicionando três novos locais à sua lista de unidades já existentes: além …

Notícias - 01/12/2021

Restauro de obras de arte do Metrô de São Paulo vira documentário

Em curso desde 2019 e com as primeiras etapas registradas em um documentário disponível no YouTube com aproximadamente …

Notícias - 01/12/2021

Obra icônica de Banksy vai a leilão pela Bolsa de Arte SP

Pela primeira vez, uma obra de Banksy irá a leilão na América Latina – no dia 10 de fevereiro, na …

Notícias - 30/11/2021

Inhotim recebe o Museu de Arte Negra idealizado por Abdias Nascimento

Poeta, escritor, dramaturgo, curador, artista plástico, professor universitário, pan-africanista e parlamentar, Abdias Nascimento (1914-2011), indicado oficialmente ao prêmio Nobel da …

Notícias - 30/11/2021

Museu Judaico de São Paulo é inaugurado

A partir do dia 5 de dezembro de 2021, abre para visitação o Museu Judaico de São Paulo (MUJ), espaço …

Notícias - 29/11/2021

Festival de performances abre convocatória

Festival Atos de Fala completa 10 anos e sua sexta edição – que acontece de 19 de janeiro a 02 …

Notícias - 29/11/2021

Prêmio Arcanjo de Cultura divulga indicados e retoma cerimônia presencial

Valorizar e premiar nossa cultura e seus artistas em tempos tão difíceis é a missão do Prêmio Arcanjo de Cultura, …

Notícias - 26/11/2021

Steve McCurry e a resiliência da infância em fotos

De meninas enfrentando o Mar de Sulu a crianças em idade escolar no Afeganistão, no novo livro Stories and Dreams …

Notícias - 26/11/2021

Veja resenha de nova biografia de Magritte, um homem de mistério

Ao contrário de seus contemporâneos surrealistas, René Magritte tendia a manter Freud à distância de sua obra – embora poucos artistas ofereçam …

Notícias - 26/11/2021

A 'amizade íntima' de Basquiat e Warhol é explorada em drama

A exposição prometia ser de tirar o fôlego, com os dois artistas usando luvas de boxe no pôster. Mas a ansiosamente …