Museu do Louvre anuncia uma grande transformação

Albrecht Dürer, Portrait de l'artiste tenant un chardon © Musée du Louvre / Erich Lessing

O museu do Louvre espera se transformar e sacudir sua imagem intimidadora antes das Olimpíadas de Paris daqui há quatro anos, disse o diretor na quarta-feira.
O museu mais visitado do mundo está trabalhando em uma grande reforma de como suas vastas coleções são apresentadas e explicadas, disse Jean-Luc Martinez a repórteres.
“Precisamos estar prontos em 2023/2024 para os Jogos Olímpicos, com mais horas e mais salas abertas”, disse ele.

Para combater sua imagem elitista, o museu se esforçará por uma “democratização cultural” para tornar seus tesouros mais acessíveis com melhor apresentação, rotulagem e curadoria.
Martinez, que vem de uma classe trabalhadora, disse que queria aproveitar o sucesso do museu avançado do Louvre em Lens, uma pobre cidade mineira no norte da França.
Ele disse que algumas vezes o antigo palácio real no coração de Paris pode “intimidar” certas informações demográficas e o museu precisa garantir às pessoas que suas coleções também estão disponíveis para elas.

Perdas de 40 milhões de euros
O tráfego no site do museu aumentou dez vezes, disse Martinez, acrescentando que o site “será completamente revisado no próximo ano … com todas as coleções online”.

Martinez acrescentou que haverá mais histórias e páginas em francês e inglês.

Visitantes com menos de 26 anos já têm acesso gratuito ao Louvre, mas Martinez está introduzindo uma mini-visita gratuita de 20 minutos neste verão, na tentativa de atrair parisienses de volta para dentro do museu.
O museu – que reabrirá após o lockdown em 6 de julho – quer atrair mais visitantes franceses depois de perder mais de 40 milhões de euros (45 milhões de dólares) nas bilheterias desde do inicio do ataque do coronavírus.
Três quartos dos visitantes do Louvre são do exterior.
Com o turismo parado, “estamos perdendo 80% do nosso público”, disse Martinez.
Os próximos três anos provavelmente não serão tão espectaculares como os últimos anos, ele previu.
“Estaremos no máximo 20 a 30% abaixo em comparação ao verão passado – entre 4.000 e 10.000 visitantes por dia”, estimou.

Compartilhar:
Notícias - 19/10/2021

Vem aí a primeira exposição de arte contemporânea nas pirâmides do Egito

Pela primeira vez na história, as pirâmides de Gizé servirão de cenário para uma exposição de arte contemporânea. Forever Is …

Notícias - 18/10/2021

17ª SP-Arte aposta em modelo híbrido

Em sua 17ª edição, a SP-Arte – Festival Internacional de Arte de São Paulo, acontece de 20 a 24 de …

Notícias - 18/10/2021

Museus de Viena estão expondo obras no site adulto OnlyFans

Em um esforço para evitar a censura por plataformas de mídia social como Instagram, Facebook e TikTok, o Conselho de …

Notícias - 15/10/2021

Ruas de São Luís recebem performances

Quando corpo e rua se encontram, muitas histórias podem ser contadas e, mais do que isso, podem ser sentidas e …

Notícias - 15/10/2021

Centro do Rio ganha novo espaço de arte

Os cariocas e o Centro do Rio de Janeiro ganham uma nova opção de cultura com conteúdo e lazer. Com …

Notícias - 12/10/2021

Projeto Latitude apoia participação de galerias brasileiras na Frieze London, FIAC Paris 2021 e SP-Arte 2021

Marcando presença em importantes feiras internacionais, cinco galerias brasileiras figurarão em dois eventos de grande prestígio no mês de outubro, …

Notícias - 12/10/2021

Leilão de fotos em NFT destinará arrecadação para ações do SOS Pantanal

Até o dia 16/10 ocorre, virtualmente, o primeiro leilão de fotos em NFT 100% beneficente para ajudar em ações de …

Notícias - 12/10/2021

Museu em Roterdã inaugura ambicioso projeto e abre sua reserva técnica para visitação

O Depot [depósito] Boijmans Van Beuningen deve abrir suas portas no dia 6 de novembro de 2021 – tornando toda …

Notícias - 08/10/2021

Sotheby's anuncia obra prima de Botticelli em leilão

 

Primeiro, em julho de 2019, houve o especulativo Retrato de um Jovem, catalogado como “No estilo de Botticelli”, que foi …

Notícias - 08/10/2021

Feira em Dubai é acusada de censurar "Davi", de Michelangelo

Uma cópia impressa em 3D do David de Michelangelo está no centro da controvérsia em Dubai, onde expositores obscureceram os …

Notícias - 06/10/2021

Descoberta versão casta da "Madonna" de Munch

Na década de 1890, a representação erótica da Madona por Edvard Munch, retratada com as mãos levantadas atrás das costas …

Notícias - 06/10/2021

Mercado de arte contemporânea se recupera com quase três bilhões em vendas no último ano

O mercado de arte contemporânea arrecadou um recorde de US $ 2,7 bilhões em vendas entre junho de 2020 e …