Morre Ulay, o artista pioneiro mais conhecido por suas colaborações com Marina Abramović

Ulay, o artista performático mais conhecido por seus provocadores “trabalhos de relacionamento” com sua então parceira Marina Abramović , morreu em Liubliana, na Eslovênia, na segunda-feira dia 2/3 de manhã, devido a complicações causadas por sua batalha contra o câncer linfático. Ele tinha 76 anos.

O comerciante de longa data de Ulay em Londres, Richard Saltoun, disse em um comunicado:

Ulay era o espírito mais livre – um pioneiro e provocador com uma obra radical e historicamente única, operando na interseção da fotografia e nas abordagens conceituais da Performance e da arte corporal. Sua morte deixa uma lacuna importante no mundo – uma que não será tão facilmente substituída. Mantemos sua família, amigos e colegas próximos em nossos corações durante esse período.

Ela

Ulay, S’he, 1973 “Ulay | Polaroids” no Nederlands Fotomuseum, Roterdã

Ulay, nascido Frank Uwe Laysiepen, ganhou destaque como fotógrafo nos anos 70. Seu trabalho, na maioria das vezes filmado em uma câmera Polaroid, focava nas várias expressões de sua identidade. Ele talvez seja mais conhecido por seu trabalho com Abramović, que conheceu em Amsterdã em 1976. Nos próximos 12 anos, os amantes e colaboradores se tornariam famosos por uma série de 14 “trabalhos de relacionamento”, nas quais os dois se envolviam em situações perigosas ou atividade fisicamente desgastante com o objetivo de se fundir em uma única mente artística.

Em Light / Dark (1977), Ulay e Abramović se ajoelharam um contra o outro e trocaram tapa na cara com intensidade crescente. Em 1980, a performance Rest Energy viu Abramović segurar um arco diante de Ulay enquanto ele segurava uma flecha apontada para o peito dela. O trabalho final deles, The Lovers (1988), também serviu de comemoração pelo fim do relacionamento. Em abril daquele ano, os artistas começaram em lados opostos da Grande Muralha da China – Ulay no deserto de Gobi e Abramović no mar Amarelo – e começaram a caminhar em direção um ao outro. Eles se encontraram no meio e, depois de caminhar mais de 1.500 milhas cada, silenciosamente se despediram. A dupla se reuniu em 2010, quando Ulay surpreendeu Abramović sentando-se à sua frente durante a performance O artista está presente no Museu de Arte Moderna. Apesar de não se falarem por décadas, os artistas deram as mãos e choraram.

Abramović respondeu à morte de Ulay em um post no Instagram:

“É com muita tristeza que soube da morte de meu amigo e ex-parceiro Ulay hoje. Ele era um artista excepcional e um ser humano, que fará muita falta. Neste dia, é reconfortante saber que sua arte e seu legado viverão para sempre.”

Após a separação, Ulay voltou à fotografia. Sua série Berlin Afterimages (1994–95) enfocou as realidades da vida na cidade alemã após o colapso da União Soviética. Ele também experimentou uma câmera gigante que produzia fotos “Polagram” mais altas que o próprio artista.

Auto-retrato
Ulay, Auto-retrato1990 “Ulay | Polaroids” no Nederlands Fotomuseum, Roterdã
Ulay foi diagnosticado com câncer linfático em 2011. Em 2015, ele processou Abramović, alegando que ela havia violado um contrato sobre o trabalho compartilhado. Ela foi condenada a pagar mais de € 250.000 (US$ 279.000) em royalties, além dos custos legais. Os dois se reconciliaram nos anos seguintes, de acordo com The Story of Marina Abramović e Ulay , um documentário de 2017 sobre a vida e o trabalho do casal. “Todas as desavenças, brigas desagradáveis ​​ou o que quer que seja do passado, não existem mais”, disse Ulay. “Nós nos tornamos bons amigos novamente.” Em novembro passado, em seu aniversário de 76 anos, ele abriu uma Fundação e um Projeto em Ljubljana.

Em uma entrevista de cabeceira no ano passado, Ulay expôs sua filosofia artística:

“É através da arte que as pessoas trocam interpretação, significado e amor. Você pode ficar sem alimentos sólidos por 40 dias, pode ficar sem água por quatro dias, pode ficar sem ar por quatro minutos, mas pode ficar apenas quatro segundos sem impressões … é por isso que a arte é tão importante.”

Em novembro de 2020, uma grande retrospectiva do trabalho de Ulay será inaugurada no Museu Stedelijk, em Amsterdã.

Compartilhar:
Notícias - 11/01/2021

Artista mineira Marina Amaral entra para lista da Forbes

A colorista mineira Marina Amaral entrou para a lista da Forbes dos jovens mais influentes do ano.  A Under 30 …

Notícias - 11/01/2021

Iphan e Polícia Federal resgatam material arqueológico no Acre

Na manhã do dia 5 de janeiro, uma ação conjunta do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) no …

Notícias - 11/01/2021

Exposição do estilista Tomo Koizumi inicia o Departamento de Moda, Design e Arquitetura da Fundação Iberê

Em 2021, a Japan House São Paulo (JHSP) vai expandir sua presença pelo Brasil, por meio de um projeto de …

Notícias - 11/01/2021

Pinacoteca de São Paulo divulga programação de 2021

 

Em 2021, a Pinacoteca de São Paulo, museu da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo, …

Notícias - 28/12/2020

Os universos díspares da Rússia contemporânea pelas lentes de Serguei Maksimishin em “O Último Império”

A exposição “O Último Império – Serguei Maksimishin”, que esteve no Museu Oscar Niemeyer (MON), em Curitiba, entre dezembro de …

Notícias - 20/12/2020

Consciência diante do perigo: as representações do medo ao longo da História da Arte

Quando Susan Sontag fala que fotografia é sobre dor, ela fala sobre Arte. Quando Susan afirma que “fotos são um …

Notícias - 19/12/2020

São Paulo ganha mural em homenagem às comunidades indígenas afetadas pela pandemia

As Nações Unidas e a ViaQuatro, concessionária responsável pela operação e manutenção da Linha 4-Amarela, em São Paulo, se unem …

Notícias - 18/12/2020

Farol Santander abre hoje mostra do artista chileno Iván Navarro

Abre hoje, 18 de dezembro, no Farol Santander São Paulo, a exposição ExFinito, primeira grande mostra individual no país do …

Notícias - 17/12/2020

Conheça os 91 projetos selecionados do Rumos Itaú Cultural 2019/2020

A Dasartes participou na última quarta-feira, 16 de dezembro, na coletiva de imprensa do Itaú Cultural, que anunciou os projetos selecionados …

Notícias - 17/12/2020

REGINA BONI ANUNCIA INAUGURAÇÃO DA GALERIA SÃO PAULO FLUTUANTE EM 2021

Para quem afrontou militares e a extrema direita em plena ditadura nos anos 60, não seria uma pandemia em escala …

Notícias - 17/12/2020

Itaú Cultural lança publicação com trabalhos de artes visuais selecionados em edital

No dia 15 de dezembro entrou no ar, no site do Itaú Cultural, www.itaucultural.org.br, uma publicação virtual que reúne as …

Notícias - 17/12/2020

CASA FIAT DE CULTURA DIVULGA SELECIONADOS PARA EXPOR NA PICCOLA GALLERIA

O 4º Programa de Seleção da Piccola Galleria da Casa Fiat de Cultura já tem os nomes dos artistas selecionados …