Médico e artista plástico expõe obra feita de raio-x na Igreja Presbiteriana do Butantã

Moradores e visitantes da região do Butantã têm se deparado com uma cena inusitada ao circularem a Praça Vicente Rodrigues, na Avenida Afrânio Peixoto, Butantã. A igreja e seu altar, que antes encontravam-se vazias e escuras pelo agravamento da COVID-19 no Brasil, agora iluminadas abrigam uma obra de Cristo de três metros e meio de altura e dois metros e dez de largura, criada pelo médico e artista plástico Wagner Kuroiwa.

“Pela condição de médico, sempre tive algumas radiografias em mãos e achei que elas poderiam servir como suporte para alguns trabalhos artísticos. Comecei a fazer alguns experimentos, mas logo senti o anseio em criar algo mais marcante, mais emocionante”, conta Wagner Kuroiwa. Construir um corpo com radiografias parecia óbvio demais, por isso, o artista começou a garimpar nos prontos-socorros onde dava plantão na época imagens que continham alguma lesão.

“Nesse processo, encontrei radiografias de fraturas, próteses, marcapassos, tumores e até uma que continha uma bala, um tiro. Também achei imagens curiosas, como pinos, fixadores externos, instrumental cirúrgico e até uma chave, esquecida por engano no bolso de um paciente”, completa.

No total, 86 imagens foram recortadas, remontadas e aderidas umas às outras com fita adesiva de um lado e resina de poliuretano do outro. Para dar sustentação, adicionou ainda linha de pesca de monofilamento e peças de chumbo de pesca, com sua simbologia própria, na base, estabilizando o trabalho.

“A base das radiografias foi colocada sobre o assoalho de minha residência para a execução da pintura da obra. Durante vários dias permaneci ajoelhado, curvado, pintando. Curiosamente, durante todo o processo, não senti nenhuma dor nas costas nem no corpo”, conta Wagner, que relata ter sentido muita emoção ao ver, por fim, toda a obra concluída, com o Cristo no meio da transparência das dores humanas.

Emoção esta que está presente em todas as suas obras. “Busco inserir a concepção emotiva em tudo que produzo. Entendo que ela é essencial para a transmissão e identificação de um sentimento. Se você faz algo sem emoção, como você pode esperar que alguém veja aquilo com emoção?”, completa.

Ao lado da obra de Kuroiwa, uma frase desperta novas emoções. De Isaías 53.4, “Ele tomou sobre si as nossas enfermidades”, frase que parece descrever o momento vivido na pandemia. “Nesse momento tão doído, em que todos nós temos conhecidos, amigos e, quem sabe parentes, que tenham sofrido ou perdido até a vida, “tomar sobre si todas as nossas enfermidades é algo muito simbólico, que reforça a crença de que havemos de sobrepujar esse momento”, conta o artista.

Juntos, o artista e a igreja procuram reforçar a esperança. “Com o agravamento da COVID-19 e as restrições que adotamos para proteger fiéis e equipe, sentimos que muitas pessoas que frequentavam a igreja sentiam falta de um alento. Expor uma obra de tamanha significância foi a forma que encontramos de confortá-los. É comum vermos pessoas na rua parando para contemplá-la”, conta Cristina Ellert Salomão, uma das responsáveis pela decoração na Igreja Presbiteriana do Butantã.

Compartilhar:
Notícias - 14/05/2021

Exposição apresenta obras de artistas que atuam entre Bolívia e Brasil.

Com abertura no dia 13 de maio, na Nube Gallery, em Santa Cruz de La Sierra, a coletiva Quando não …

Notícias - 14/05/2021

Morre o artista Carlito Carvalhosa

Vítima de câncer no intestino que tratava durante 8 anos, morreu na noite do dia 13 de maio de 2021 …

Notícias - 14/05/2021

CONHEÇA OS GANHADORES DO 10º PRIX PHOTO ALIANÇA FRANCESA

A décima edição do Prix Photo Aliança Francesa, concurso nacional de fotografias realizado pela Aliança Francesa, sob o tema “Reflexos” …

Notícias - 14/05/2021

Governo de São Paulo anuncia investimento recorde de R$200 milhões em projetos culturais

A Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo anuncio um investimento recorde de R﹩ 200 milhões …

Notícias - 13/05/2021

Competição por artistas em ascensão e por Basquiat impulsionam leilão da Sotheby's

A maratona de leilões da Sotheby’s na noite de quarta-feira parecia uma espécie de retorno à normalidade, porque, pela primeira …

Notícias - 13/05/2021

Memorial em homenagem a João Turin é inaugurado com quase 100 obras

O legado que o artista João Turin (1878-1949) deixou para a cultura do Paraná poderá ser apreciado em um grande …

Notícias - 13/05/2021

13ª Bienal do Mercosul lança Chamada Aberta para artistas inovadores

Com o objetivo de oferecer uma vivência imersiva em arte e novas tecnologias, a 13ª Bienal do Mercosul lança o …

Notícias - 12/05/2021

Museu de Arte do Rio hasteia bandeira criada pela artista Sônia Gomes

O Museu de Arte do Rio hasteará, no dia 13 de maio, sua nova bandeira. O trabalho inédito “Andando em …

Notícias - 12/05/2021

Programação cultural 2021 do Inhotim terá superproduções audiovisuais

O Instituto Inhotim apresenta, a partir de 29 de maio, o Inhotim em Cena. Com o patrocínio master do Instituto …

Notícias - 12/05/2021

Historiadores denunciam o plano do Museu de Newark de vender obras na Sotheby's

Mais de 50 historiadores culturais assinaram uma carta aberta denunciando o plano do Museu de Arte de Newark de vender …

Notícias - 10/05/2021

Sesc São Paulo retoma visitação presencial a dez exposições

Em conformidade com os protocolos de segurança do estado e de cada município, o Sesc São Paulo retoma algumas atividades …

Notícias - 10/05/2021

Conheça Chakaia Booker e seu trabalho com pneus

O estúdio de Chakaia Booker não tem aquecedor, o telhado vaza e às vezes entram esquilos. Seu piso é arranhado …