Maurizio Cattelan e quase 100 outros artistas mostrarão suas ilustrações da era da quarentena

Maurizio Cattelan, sem título (2019). Cortesia do Arquivo de Maurizio Cattelan.

100 Desenhos de Agora revela o papel que o desenho desempenha em tempos de trauma

Quando os instrumentos de produção artística são limitados e diretos, a expressão urgente é a prioridade, o desenho muitas vezes é o meio de escolha. Portanto, não deve ser surpresa que, nos últimos seis meses, vimos artistas de todo o mundo recorrerem a caneta e papel.

“Acho que muitas vezes há uma tendência de se voltar para o desenho em tempos difíceis”, especula Claire Gilman, que foi co-curadora de uma exposição de mais de 100 obras desse tipo concluída em 2020 e que será exibida no Drawing Center em 7 de outubro.

“Tem a ver com a intimidade do meio e a necessidade do toque, o ato físico de colocar a mão no papel – há algo muito fundamentado nisso”, continua Gilman. “Especialmente neste momento, quando a condição daquele trauma está enraizada em um sentimento de separação e isolamento, havia a necessidade de algum tipo de conexão.”

Nathaniel Mary Quinn, Treasure Hunt # 2 (2020). Coleção de Nathaniel Mary Quinn, Donna Augustin-Quinn.

A mostra, 100 Drawings from Now, começou a ganhar forma em abril, com Gilman trabalhando ao lado dos curadores Rosario Güiraldes, Isabella Kapur e a diretora executiva do Drawing Center Laura Hoptman. “Logo depois que as coisas pararam e começamos a ver as coisas na tela”, ela explica, “percebemos que havia uma mudança imediata de desenho por parte de muitos artistas. Alguns desenham regularmente, mas para muitos desenhar não é seu meio principal. ”

Na verdade, a lista de artistas participantes é diversa: Maurizio Cattelan, Paul Chan, Rachel Harrison e Paul Giamatti compartilham o mesmo conjunto de paredes na exposição, o que fornece uma profundidade e analisa a produção artística na era da quarentena. Todos os temas que dominaram o discurso no último semestre estão presentes: a violência do Estado, uma renovada investigação do espaço doméstico, a mediação das imagens pela tecnologia.

Michael Armitage, Study for Curfew (2020). Cortesia do artista e White Cube.

Em alguns casos, os temas de 2020 ficam marcadamente na superfície. Um desenho extra a tinta sobre papel de Michael Armitage chamado Study for Curfew, por exemplo, mostra um homem uniformizado chicoteando uma figura no chão – uma referência aos protestos recentes contra a violência policial. Mais abstrato é uma ilustração em tinta nanquim de uma árvore de William Kentridge, povoada com fragmentos de texto existencial que sugerem isolamento: “Escapando de nosso destino”. “E eu sozinho.”

Enquanto isso, Katherine Bernhardt se concentrou em um aspecto diferente da quarentena por meio de uma foto em aquarela de pontas de cigarro e pílulas de Xanax. Sam Messer e Rochelle Feinstein oferecem uma janela para o momento por meio de um par de retratos que ilustram a outra pessoa através do Zoom.

Há uma boa parte da abstração nos estudos de forma de Xylor Jane e Sam Moyer, por exemplo. Também há muitos autorretratos. R. Crumb e Marcus Jahmal examinam cada um a sua própria imagem. Ambos são interpretados como exercícios de cura pela feitura.

Katherine Bernhardt, Sem título (2020). Cortesia do artista e da Canada Gallery.

“Não buscamos trabalhos que abordassem ideias específicas, necessariamente”, diz Gilman. “Queríamos que fosse um retrato muito natural da época. Sentimos que todos tinham algo a dizer. E eu acho que os artistas que disseram ter algo com que gostariam de contribuir pensaram em seu trabalho dessa forma, em relação a esse momento ”.

Todos os artistas doaram obras ao Centro de Desenho para a mostra, a grande maioria delas à venda até o dia 4 de outubro em benefício do local. (Os preços foram determinados pelos artistas individualmente; alguns embolsarão uma porcentagem dos lucros.)

Mounira Al Solh, Auto-retrato (2020). Cortesia do artista.

Fonte e tradução: Artnet News 

Compartilhar:
Notícias - 16/10/2020

Instituição coloca à venda pintura de David Hockney em meio a tensões financeiras

Na semana passada, a Royal Opera House de Londres anunciou planos de vender o Retrato de Sir David Webster de …

Notícias - 16/10/2020

Itáu Cultural reabre com mostras de Sandra Cinto e ocupação de Rino Levi

O Itaú Cultural (IC) retomou a partir de terça-feira (13) suas atividades presenciais. Neste momento, o público pode visitar as …

Notícias - 16/10/2020

Marina Abramović terá a primeira obra de arte de realidade mista vendida em leilão

Marina Abramović é uma das artistas contemporâneas mais conhecidas do mundo, mas muito de seu trabalho é efêmero: performances que …

Notícias - 16/10/2020

Juíza anuncia nova decisão sobre caso Inhotim e surpreende

O instituto assinou um acordo em 2016 para doar 20 obras de seu acervo ao governo, a fim de reembolsar …

Notícias - 16/10/2020

Como obras redescobertas de velhos mestres vêm de destacando em leilões com números extraordinários?

A Christie’s realizará seu leilão de Velhos Mestres durante as vendas clássicas da semana na sede do Rockefeller Center. Ao …

Notícias - 16/10/2020

Escultura de Medusa nua vira símbolo do movimento #meetoo e causa polêmica

Na maioria dos casos de violência sexual, sempre se pergunta à vítima: ‘Bom, o que você fez para provocá-lo?’ Questões …

Notícias - 16/10/2020

Famoso artista chinês desafia fronteira EUA-México para pintar e mostra processo em vídeo

Para o artista contemporâneo Liu Xiaodong, a história pessoal é a maior fonte de inspiração. Sua infância na China rural e …

Notícias - 16/10/2020

Foto impressionante de Vik Muniz é uma homenagem a um grande artista americano

Se você está familiarizado com a arte americana contemporânea, a imagem de uma estação da Standard Oil pode trazer imediatamente …

Notícias - 16/10/2020

A história de vida de Artemisia Gentileschi será tema de uma série de tv

A vida de Artemisia Gentileschi (1593-1652), a grande pintora barroca que é o tema da tão aclamada exposição da London National Gallery, será …

Notícias - 15/10/2020

Exposição na Paulista chega à sexta edição com o tema “Liberdade e Democracia”

Uma realização da União Geral dos Trabalhadores – UGT, A Exposição na Paulista traz 15 obras de 18 artistas de …

Notícias - 13/10/2020

Artistas colorem empenas em BH e marcam maior mural assinado por uma artista indígena no mundo

Em menos de duas semanas, artistas negros e indígenas pintaram empenas gigantes na capital de Minas Gerais levando resistência e afeto …

Notícias - 02/10/2020

Como a arte inspira o cinema e o cinema inspira a arte?

Como os artistas contemporâneos do cinema conseguiram trazer os temas e técnicas das maiores pinturas para o grande ecrã

O 77º …