MASP dedicará 2020 às histórias da dança

Nicolas Poussin

Todos os anos, o MASP organiza a sua programação em torno de “histórias”, noção que abarca histórias reais, fictícias, relatos pessoais e históricos —de maneira aberta e plural. Entre os eixos e exposições passadas, estão Histórias da infância (2016), Histórias da sexualidade (2017), Histórias afro-atlânticas (2018) e Histórias das mulheres, histórias feministas (2019). Em 2020, o museu terá como ciclo temático Histórias da dança, que servirá de base às atividades de mediação e programas públicos, como palestras, cursos e oficinas, e às monográficas de Hélio Oiticica, Trisha Brown, Senga Nengudi, Mathilde Rosier, Edgar Degas e Beatriz Milhazes, além de uma coletiva internacional homônima ao eixo curatorial.

O ciclo Histórias da dança se insere no debate atual sobre a presença de corpos em movimento em instituições de arte. A discussão deu forma aos seminários preparatórios para o eixo, realizados pelo MASP neste ano e no ano passado. Um terceiro será realizado em fevereiro de 2020, com curadores, artistas e acadêmicos. O ciclo temático, como o debate que o alimenta, evidencia as estreitas relações, cruzamentos e diálogos entre artes visuais e dança. A representação do corpo em movimento, suas posturas, ritmos e pulsações, tem sido de grande interesse para artistas plásticos ao longo da história. São muitos os momentos em que dançarinos e artistas colaboraram estreitamente, como no caso dos experimentos feitos na Judson Church, em Nova York, onde se formou um coletivo de dançarinos, compositores e artistas visuais, de 1962 a 64. Com Histórias da dança, o MASP propõe a sua contribuição à reflexão sobre as possíveis trocas e influências entre os dois campos.

A exposição coletiva que levará o título do eixo curatorial foi concebida a partir de questões de base dentro desse diálogo. “O projeto busca, a partir das artes visuais, propor uma reflexão sobre o que é dança e quais corpos dançam. Que corpos são esses e o que os move?”, diz Olivia Ardui, curadora assistente e uma das responsáveis pela curadoria da mostra, ao lado de Adriano Pedrosa, diretor artístico do museu, e de Julia Bryan-Wilson, curadora-adjunta de arte de moderna e contemporânea. A exposição trará pistas para pensar as diferentes implicações do que é dançar: dançar para ser, dançar para lembrar, dançar para resistir e (r-)existir.

Compartilhar:
Notícias - 09/04/2021

Inhotim e Arte1 firmam parceria para exibição da série Diálogos

Duas instituições voltadas para a arte acabam de se unir para disseminar conteúdos de qualidade para o público. O Instituto …

Notícias - 08/04/2021

Conheça Bruna Pessoa de Queiroz, presidente da “Usina da Arte”

Ancorada numa tradição cultural “artistocrática”, a família Pessoa de Queiroz revive desde 2015 uma antiga fábrica de cana-de-açúcar perto do …

Notícias - 08/04/2021

Galeria Nara Roesler representa o Brasil na EXPO CHGO ONLINE

Com o apoio do projeto Latitude – Platform for Brazilian Art Galleries Abroad, uma parceria da ABACT (Associação Brasileira de …

Notícias - 08/04/2021

INSTITUTO TOMIE OHTAKE ABRE AS INSCRIÇÕES PARA O 5º PRÊMIO TERRITÓRIOS

Iniciativa idealizada e coordenada pelo Instituto Tomie Ohtake, com patrocínio da Estácio e do Grupo GPS, em parceria com o …

Notícias - 07/04/2021

Conheça o jovem que saiu da Vila Vintém para defender o acesso à cultura em Boston

Como já vem sendo feito há alguns anos, a Brazil Conference at Harvard & MIT 2021, evento criado por …

Notícias - 07/04/2021

Nova galeria de arte vende obras com o tema "identidade"

Inaugurada no mês de celebração ao Dia Mundial das Mulheres, a Pequena Galeria apresenta cinco artistas mulheres de diferentes regiões …

Notícias - 06/04/2021

Obras de Antony Gormley colocadas na praia dividem opiniões

Esperava-se que incentivassem a apreciação da arte contemporânea. Mas, em vez disso, quatro esculturas de ferro de Antony Gormley parecem …

Notícias - 06/04/2021

National Gallery cria sua primeira mostra projetada para telefones celulares

A National Gallery apresentará sua primeira exposição projetada para telefones celulares, permitindo que as pessoas vivenciem com detalhes incríveis uma …

Notícias - 06/04/2021

Visitas aos 100 principais museus e galerias do mundo caem 77% devido a Covid

O número de visitantes nos 100 principais museus e galerias de arte do mundo caiu 77% no ano passado, de …

Notícias - 05/04/2021

Exposição artística mais extensa do mundo é realizada no Caminho de Santiago

“Las Estrellas del Camino” é uma exposição permanente com curadoria de Estrella Galicia e realização da agência AUPA!. A mostra …

Notícias - 05/04/2021

Inscrições para a ArtRio 2021 prorrogadas até 30 de abril

As inscrições para as galerias que desejam participar da 11ª edição da ArtRio foram prorrogadas até o dia 30 de …

Notícias - 31/03/2021

Instituto Cultural Vale lança programa gratuito de formação em Gestão Contemporânea das Artes

O Instituto Cultural Vale lança nesta terça-feira, 30, seu programa de formação em Gestão Contemporânea das Artes. Voltado para profissionais …