Exposição em Paris captura o êxtase e a exuberância das esculturas de cerâmica de Lucio Fontana. Veja imagens

Lucio Fontana, Crocifisso (1950–1955). Cortesia da Galerie Karsten Greve.

A exposição na Galerie Karsten Greve reúne 28 peças de cerâmica do artista

“Sou escultor, não ceramista”, declarou Lucio Fontana (mais de uma vez) em seus escritos.

Embora o fundador italiano-argentino do espacialismo seja mais famoso por suas telas provocativamente perfuradas e cortadas – e apesar do que seus próprios comentários possam nos levar a pensar – a cerâmica foi uma válvula de escape expressiva contínua para o artista em sua jornada artística singular para “conquistar o espaço.”

Agora, uma nova exposição na Galerie Karsten Greve em Paris argumenta que suas esculturas de cerâmica foram talvez suas obras mais experimentais. Uma sensibilidade estática, às vezes febril, percorre a exposição de  28 obras de cerâmica realizadas entre 1936 e o ​​final dos anos 1950.

Lucio Fontana, Battaglia (1947). Cortesia da Galerie Karsten Greve.

A galeria, à primeira vista, parece bastante vazia. As esculturas em pequena escala não fazem proclamações ousadas; em vez disso, as obras conseguem seduzir de perto. Pode-se dizer que essas esculturas, muitas vezes cobertas por esmaltes brilhantes, quase açucarados, têm uma qualidade quase devocional – e talvez não seja nenhuma surpresa que essas obras às vezes retratam ou expandem temas religiosos, de cenas de crucificação a representações da Madona e da criança.

Outras vezes, Fontana retrata cenas de batalha ou figuras da Commedia dell’arte. A mostra inclui ainda as suas cerâmicas ditas “Animalia”, feitas em formas exuberantes inspiradas na vida marinha e diversa flora e fauna.

Tal imaginário faz referência conscientemente à antiguidade: Fontana, inspirado no Futurismo, esperava fundir o imaginário do passado com as formas dinâmicas da modernidade. O material natural e hábil da argila era o meio ideal para o artista.

Obras posteriores, como o Concetti spaziali de Fontana  , são mais ambiguamente sugestivos de uma concepção modernista, com marcas de corte e buracos aparentemente mais alinhados com suas obras em tela perfurada. Mas mesmo aqui, o efeito é ricamente textural, espontâneo e, simplesmente, divertido.

Veja mais imagens de “Lucio Fontana: Cerâmica” abaixo.

Lucio Fontana, Madonna con Bambino (1950-53). Cortesia da Galerie Karsten Greve.

Lucio Fontana, Figure distese (1939). Cortesia da Galerie Karsten Greve.

Lucio Fontana, Colombina (1948). Cortesia da Galerie Karsten Greve.

Lucio Fontana, Arlecchino (1948). Cortesia da Galerie Karsten Greve.

Lucio Fontana, Concetto Spaziale (1954). Cortesia da Galerie Karsten Greve.

Fonte e tradução: Artnet news

 

Compartilhar:
Notícias - 11/01/2021

Artista mineira Marina Amaral entra para lista da Forbes

A colorista mineira Marina Amaral entrou para a lista da Forbes dos jovens mais influentes do ano.  A Under 30 …

Notícias - 11/01/2021

Iphan e Polícia Federal resgatam material arqueológico no Acre

Na manhã do dia 5 de janeiro, uma ação conjunta do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) no …

Notícias - 11/01/2021

Exposição do estilista Tomo Koizumi inicia o Departamento de Moda, Design e Arquitetura da Fundação Iberê

Em 2021, a Japan House São Paulo (JHSP) vai expandir sua presença pelo Brasil, por meio de um projeto de …

Notícias - 11/01/2021

Pinacoteca de São Paulo divulga programação de 2021

 

Em 2021, a Pinacoteca de São Paulo, museu da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo, …

Notícias - 28/12/2020

Os universos díspares da Rússia contemporânea pelas lentes de Serguei Maksimishin em “O Último Império”

A exposição “O Último Império – Serguei Maksimishin”, que esteve no Museu Oscar Niemeyer (MON), em Curitiba, entre dezembro de …

Notícias - 20/12/2020

Consciência diante do perigo: as representações do medo ao longo da História da Arte

Quando Susan Sontag fala que fotografia é sobre dor, ela fala sobre Arte. Quando Susan afirma que “fotos são um …

Notícias - 19/12/2020

São Paulo ganha mural em homenagem às comunidades indígenas afetadas pela pandemia

As Nações Unidas e a ViaQuatro, concessionária responsável pela operação e manutenção da Linha 4-Amarela, em São Paulo, se unem …

Notícias - 18/12/2020

Farol Santander abre hoje mostra do artista chileno Iván Navarro

Abre hoje, 18 de dezembro, no Farol Santander São Paulo, a exposição ExFinito, primeira grande mostra individual no país do …

Notícias - 17/12/2020

Conheça os 91 projetos selecionados do Rumos Itaú Cultural 2019/2020

A Dasartes participou na última quarta-feira, 16 de dezembro, na coletiva de imprensa do Itaú Cultural, que anunciou os projetos selecionados …

Notícias - 17/12/2020

REGINA BONI ANUNCIA INAUGURAÇÃO DA GALERIA SÃO PAULO FLUTUANTE EM 2021

Para quem afrontou militares e a extrema direita em plena ditadura nos anos 60, não seria uma pandemia em escala …

Notícias - 17/12/2020

Itaú Cultural lança publicação com trabalhos de artes visuais selecionados em edital

No dia 15 de dezembro entrou no ar, no site do Itaú Cultural, www.itaucultural.org.br, uma publicação virtual que reúne as …

Notícias - 17/12/2020

CASA FIAT DE CULTURA DIVULGA SELECIONADOS PARA EXPOR NA PICCOLA GALLERIA

O 4º Programa de Seleção da Piccola Galleria da Casa Fiat de Cultura já tem os nomes dos artistas selecionados …