Exposição em Paris captura o êxtase e a exuberância das esculturas de cerâmica de Lucio Fontana. Veja imagens

Lucio Fontana, Crocifisso (1950–1955). Cortesia da Galerie Karsten Greve.

A exposição na Galerie Karsten Greve reúne 28 peças de cerâmica do artista

“Sou escultor, não ceramista”, declarou Lucio Fontana (mais de uma vez) em seus escritos.

Embora o fundador italiano-argentino do espacialismo seja mais famoso por suas telas provocativamente perfuradas e cortadas – e apesar do que seus próprios comentários possam nos levar a pensar – a cerâmica foi uma válvula de escape expressiva contínua para o artista em sua jornada artística singular para “conquistar o espaço.”

Agora, uma nova exposição na Galerie Karsten Greve em Paris argumenta que suas esculturas de cerâmica foram talvez suas obras mais experimentais. Uma sensibilidade estática, às vezes febril, percorre a exposição de  28 obras de cerâmica realizadas entre 1936 e o ​​final dos anos 1950.

Lucio Fontana, Battaglia (1947). Cortesia da Galerie Karsten Greve.

A galeria, à primeira vista, parece bastante vazia. As esculturas em pequena escala não fazem proclamações ousadas; em vez disso, as obras conseguem seduzir de perto. Pode-se dizer que essas esculturas, muitas vezes cobertas por esmaltes brilhantes, quase açucarados, têm uma qualidade quase devocional – e talvez não seja nenhuma surpresa que essas obras às vezes retratam ou expandem temas religiosos, de cenas de crucificação a representações da Madona e da criança.

Outras vezes, Fontana retrata cenas de batalha ou figuras da Commedia dell’arte. A mostra inclui ainda as suas cerâmicas ditas “Animalia”, feitas em formas exuberantes inspiradas na vida marinha e diversa flora e fauna.

Tal imaginário faz referência conscientemente à antiguidade: Fontana, inspirado no Futurismo, esperava fundir o imaginário do passado com as formas dinâmicas da modernidade. O material natural e hábil da argila era o meio ideal para o artista.

Obras posteriores, como o Concetti spaziali de Fontana  , são mais ambiguamente sugestivos de uma concepção modernista, com marcas de corte e buracos aparentemente mais alinhados com suas obras em tela perfurada. Mas mesmo aqui, o efeito é ricamente textural, espontâneo e, simplesmente, divertido.

Veja mais imagens de “Lucio Fontana: Cerâmica” abaixo.

Lucio Fontana, Madonna con Bambino (1950-53). Cortesia da Galerie Karsten Greve.

Lucio Fontana, Figure distese (1939). Cortesia da Galerie Karsten Greve.

Lucio Fontana, Colombina (1948). Cortesia da Galerie Karsten Greve.

Lucio Fontana, Arlecchino (1948). Cortesia da Galerie Karsten Greve.

Lucio Fontana, Concetto Spaziale (1954). Cortesia da Galerie Karsten Greve.

Fonte e tradução: Artnet news

 

Compartilhar:
Notícias - 09/04/2021

Inhotim e Arte1 firmam parceria para exibição da série Diálogos

Duas instituições voltadas para a arte acabam de se unir para disseminar conteúdos de qualidade para o público. O Instituto …

Notícias - 08/04/2021

Conheça Bruna Pessoa de Queiroz, presidente da “Usina da Arte”

Ancorada numa tradição cultural “artistocrática”, a família Pessoa de Queiroz revive desde 2015 uma antiga fábrica de cana-de-açúcar perto do …

Notícias - 08/04/2021

Galeria Nara Roesler representa o Brasil na EXPO CHGO ONLINE

Com o apoio do projeto Latitude – Platform for Brazilian Art Galleries Abroad, uma parceria da ABACT (Associação Brasileira de …

Notícias - 08/04/2021

INSTITUTO TOMIE OHTAKE ABRE AS INSCRIÇÕES PARA O 5º PRÊMIO TERRITÓRIOS

Iniciativa idealizada e coordenada pelo Instituto Tomie Ohtake, com patrocínio da Estácio e do Grupo GPS, em parceria com o …

Notícias - 07/04/2021

Conheça o jovem que saiu da Vila Vintém para defender o acesso à cultura em Boston

Como já vem sendo feito há alguns anos, a Brazil Conference at Harvard & MIT 2021, evento criado por …

Notícias - 07/04/2021

Nova galeria de arte vende obras com o tema "identidade"

Inaugurada no mês de celebração ao Dia Mundial das Mulheres, a Pequena Galeria apresenta cinco artistas mulheres de diferentes regiões …

Notícias - 06/04/2021

Obras de Antony Gormley colocadas na praia dividem opiniões

Esperava-se que incentivassem a apreciação da arte contemporânea. Mas, em vez disso, quatro esculturas de ferro de Antony Gormley parecem …

Notícias - 06/04/2021

National Gallery cria sua primeira mostra projetada para telefones celulares

A National Gallery apresentará sua primeira exposição projetada para telefones celulares, permitindo que as pessoas vivenciem com detalhes incríveis uma …

Notícias - 06/04/2021

Visitas aos 100 principais museus e galerias do mundo caem 77% devido a Covid

O número de visitantes nos 100 principais museus e galerias de arte do mundo caiu 77% no ano passado, de …

Notícias - 05/04/2021

Exposição artística mais extensa do mundo é realizada no Caminho de Santiago

“Las Estrellas del Camino” é uma exposição permanente com curadoria de Estrella Galicia e realização da agência AUPA!. A mostra …

Notícias - 05/04/2021

Inscrições para a ArtRio 2021 prorrogadas até 30 de abril

As inscrições para as galerias que desejam participar da 11ª edição da ArtRio foram prorrogadas até o dia 30 de …

Notícias - 31/03/2021

Instituto Cultural Vale lança programa gratuito de formação em Gestão Contemporânea das Artes

O Instituto Cultural Vale lança nesta terça-feira, 30, seu programa de formação em Gestão Contemporânea das Artes. Voltado para profissionais …