A França deve vender Mona Lisa por 50 bilhões de euros

Leonardo da Vinci, Mona Lisa

A França deve vender a Mona Lisa “por 50 bilhões de euros” para cobrir os danos da pandemia de coronavírus, sugere o CEO da tecnologia, Stephane Distinguin, que também propôs trocar pinturas entre nações usando uma nova forma de criptografia.

Stephane Distinguin, fundador da empresa de tecnologia Fabernovel, fez a sugestão em uma entrevista, explicando que a França deveria “vender as jóias da família” por pelo menos 50 bilhões de euros (44,7 bilhões de libras).

“Dia após dia, listamos os bilhões engolidos por essa crise como crianças contando a queda de uma pedra em um poço para medir sua profundidade”, disse Distinguin à Usbek & Rica Magazine. “Ainda estamos contando, e esta crise parece insondável.”

“Como empresário e contribuinte, sei que esses bilhões não são inventados e que necessariamente nos custarão. Um reflexo óbvio é vender um ativo valioso pelo preço mais alto possível, mas que seja o menos crítico possível para o nosso futuro.”

Ele continuou: “Uma pintura é fácil de mover e, portanto, entregar. E temos muitas pinturas … Em 2020, temos que colocar o dinheiro onde está. Então, venda joias da família … O preço é o cerne da questão e o principal tema de controvérsia. O preço deve ser insano para que a operação faça sentido. Estimo que levaria pelo menos 50 bilhões de euros (44,7 bilhões de libras) para adquirir a Mona Lisa. Disseram-me que minha estimativa estava supervalorizada, até exagerada, mas sempre sem argumentos reais.”

Distinguin também sugeriu que a Mona Lisa pudesse ser “simbolizada”, com uma forma de moeda criptográfica que permitia que a pintura fosse facilmente trocada entre nações.

“Seria como uma grande assinatura global”, explicou ele. “Legal e tecnicamente, essa solução teria muitas vantagens: permitiria à França e ao Louvre manter o controle da pintura. Pode-se até imaginar que essa manobra angariaria o consentimento do grande Leonardo da Vinci, aquele que pintou, mas também dominou todas as ciências e tecnologias de seu tempo.”

Em 2019, o Louvre começou a trabalhar em um programa de realidade virtual que permitiria aos visitantes conhecer a Mona Lisa de Da Vinci de perto e longe das multidões de turistas na galeria mundialmente famosa.

A pintura também foi considerada a atração turística mais decepcionante do mundo em abril de 2019, de acordo com uma pesquisa realizada pelos clientes da Easyjet.

Compartilhar:
Notícias - 11/01/2021

Artista mineira Marina Amaral entra para lista da Forbes

A colorista mineira Marina Amaral entrou para a lista da Forbes dos jovens mais influentes do ano.  A Under 30 …

Notícias - 11/01/2021

Iphan e Polícia Federal resgatam material arqueológico no Acre

Na manhã do dia 5 de janeiro, uma ação conjunta do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) no …

Notícias - 11/01/2021

Exposição do estilista Tomo Koizumi inicia o Departamento de Moda, Design e Arquitetura da Fundação Iberê

Em 2021, a Japan House São Paulo (JHSP) vai expandir sua presença pelo Brasil, por meio de um projeto de …

Notícias - 11/01/2021

Pinacoteca de São Paulo divulga programação de 2021

 

Em 2021, a Pinacoteca de São Paulo, museu da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo, …

Notícias - 28/12/2020

Os universos díspares da Rússia contemporânea pelas lentes de Serguei Maksimishin em “O Último Império”

A exposição “O Último Império – Serguei Maksimishin”, que esteve no Museu Oscar Niemeyer (MON), em Curitiba, entre dezembro de …

Notícias - 20/12/2020

Consciência diante do perigo: as representações do medo ao longo da História da Arte

Quando Susan Sontag fala que fotografia é sobre dor, ela fala sobre Arte. Quando Susan afirma que “fotos são um …

Notícias - 19/12/2020

São Paulo ganha mural em homenagem às comunidades indígenas afetadas pela pandemia

As Nações Unidas e a ViaQuatro, concessionária responsável pela operação e manutenção da Linha 4-Amarela, em São Paulo, se unem …

Notícias - 18/12/2020

Farol Santander abre hoje mostra do artista chileno Iván Navarro

Abre hoje, 18 de dezembro, no Farol Santander São Paulo, a exposição ExFinito, primeira grande mostra individual no país do …

Notícias - 17/12/2020

Conheça os 91 projetos selecionados do Rumos Itaú Cultural 2019/2020

A Dasartes participou na última quarta-feira, 16 de dezembro, na coletiva de imprensa do Itaú Cultural, que anunciou os projetos selecionados …

Notícias - 17/12/2020

REGINA BONI ANUNCIA INAUGURAÇÃO DA GALERIA SÃO PAULO FLUTUANTE EM 2021

Para quem afrontou militares e a extrema direita em plena ditadura nos anos 60, não seria uma pandemia em escala …

Notícias - 17/12/2020

Itaú Cultural lança publicação com trabalhos de artes visuais selecionados em edital

No dia 15 de dezembro entrou no ar, no site do Itaú Cultural, www.itaucultural.org.br, uma publicação virtual que reúne as …

Notícias - 17/12/2020

CASA FIAT DE CULTURA DIVULGA SELECIONADOS PARA EXPOR NA PICCOLA GALLERIA

O 4º Programa de Seleção da Piccola Galleria da Casa Fiat de Cultura já tem os nomes dos artistas selecionados …