“A China não é confiável” diz Ai Weiwei, artista e ativista chinês, ao criar máscaras para caridade

A arte uniu-se ao ativismo na forma de máscaras faciais criadas pelo artista Ai Weiwei, que mostram imagens de sementes de girassol, bestas míticas e, talvez o mais apropriado, um dedo do meio desafiador.

O artista e ativista chinês imprimiu um lote inicial de 10.000 máscaras para serem vendidas para caridade através do eBay. Todos a vendas serão direcionadas aos esforços humanitários do coronavírus liderados pela Human Rights Watch, Refugees International e Médicos Sem Fronteiras.

Ai estava em casa, em Cambridge, quando começou a ficar zangado com notícias de máscaras, incluindo os EUA serem acusados ​​de “pirataria moderna”, acusados ​​de levar máscaras destinadas à Alemanha.

Era quase risível, ele disse. “É um desperdício. Há muita discussão em torno da máscara. Uma máscara facial pesa apenas três gramas, mas carrega muitos argumentos estatais sobre segurança global e quem a possui e quem não a possui.”

Ele imprimiu uma escultura de madeira em uma máscara e a colocou no Instagram. As pessoas adoraram e perguntaram como conseguir um. Daí veio seu novo projeto de arte.

As obras de arte serão vendidas isoladamente por US$ 50 (£ 40), US$ 300 para uma série de quatro e US$ 1.500 para uma coleção de 20. Elas terão imagens familiares aos fãs do trabalho do artista, incluindo sementes de girassol baseadas em sua instalação da Tate Modern no qual ele encheu o Turbine Hall da galeria com 100m de sementes de girassol confeccionadas individualmente. Algumas das imagens incluem o gesto conhecido pelo artista com o dedo do meio.

Ai Weiwei retratado em Londres, 2015, com sua criação chamada Árvore

Ai Weiwei em Londres em 2015 com sua criação chamada Tree. Foto: Leon Neal / AFP / Getty

Ai disse que a pandemia era uma crise humanitária. “Isso desafia nossa compreensão do século XXI e alerta para os perigos futuros. Exige que cada indivíduo aja, sozinho e coletivamente.” Ele comparou cada compra a um ato de esperança e consciência social.

Ai passou 81 dias em uma prisão chinesa e quatro anos em prisão domiciliar antes de recuperar seu passaporte e fugir para a Alemanha em 2015. Ele se mudou para o Reino Unido no ano passado.

Ele disse que as pessoas estavam certas em sentir raiva da China por causa da pandemia. “Quando falamos de humanidade, o mais importante é a confiança, entre pessoas e entre nações. Sem transparência e confiança, você não pode jogar. A China há muito tempo não é confiável. Todos nós aceitamos isso.

A China intencionalmente encobriu informações sobre o surto, destruindo até evidências médicas, disse ele. “A China tem agido da maneira militar antiga: todos que os questionam podem ser um inimigo em potencial.”

O projeto é curado por Alexandra Munroe, que disse que as máscaras eram obras de arte que simbolizavam a vida na época do coronavírus. “Ter um é um ato ético e criativo para superar nosso isolamento cansado e participar de um empreendimento coletivo de verdadeira compaixão.”

Ai estava preparando a direção de uma ópera, Turandot de Puccini, quando o bloqueio ocorreu durante os ensaios.

Em casa, em Cambridge, onde ele mora com seu parceiro e filho, foi maravilhoso, ele disse. “Nunca tive um momento tão pacífico e agradável na minha vida. Estou passando tanto tempo com meus entes queridos e esta primavera em Cambridge será memorável pelo resto da minha vida, porque nunca vi tantas flores silvestres. Diariamente, saio pelos campos, fotografo e vejo qual é o nome em latim e chinês. Isto é muito divertido.”

Fonte e tradução: The Guardian

Compartilhar:
Notícias - 23/10/2020

Olafur Eliasson projeta 'nossas perspectivas glaciais' como um instrumento astronômico

Artista Olafur Eliasson revela sua última obra de arte pública permanente, ‘nossas perspectivas glaciais’, ao longo da geleira hochjochferner do …

Notícias - 23/10/2020

Pintura de Klimt roubada - enterrada por 20 anos - volta a ser exibida em museu italiano

Descoberto pelo jardineiro da galeria Ricci Oddi no ano passado, o Retrato de uma Senhora será a estrela de uma …

Notícias - 23/10/2020

Vândalos atacaram 70 obras de arte em museus de Berlim em plena luz do dia

Um líquido oleoso foi derramado sobre muitas obras no que foi considerado o pior ataque à arte e antiguidades na …

Notícias - 23/10/2020

Guerra declarada entre museu e herdeiros de Piet Mondrian para recuperação de pinturas no valor de US$ 200 milhões

Como parte de um esforço contínuo de anos para recuperar os direitos de propriedade de várias pinturas criadas pelo modernista …

Notícias - 23/10/2020

Pintura de Jacob Lawrence, desaparecida há décadas, foi encontrada de forma inusitada

O painel do renomado artista negro, parte de sua série “Struggle”, foi visto pela última vez em 1960. Mas alguém …

Notícias - 21/10/2020

SESC SÃO PAULO EM NOVA ETAPA, RETOMADA GRADUAL CONTEMPLA EXPOSIÇÕES, BIBLIOTECAS E EXIBIÇÃO DE FILMES NO CINESESC

 O anúncio da aguardada Fase Verde, a penúltima e mais branda de uma  escala de cinco etapas do Plano São …

Notícias - 16/10/2020

Instituição coloca à venda pintura de David Hockney em meio a tensões financeiras

Na semana passada, a Royal Opera House de Londres anunciou planos de vender o Retrato de Sir David Webster de …

Notícias - 16/10/2020

Itáu Cultural reabre com mostras de Sandra Cinto e ocupação de Rino Levi

O Itaú Cultural (IC) retomou a partir de terça-feira (13) suas atividades presenciais. Neste momento, o público pode visitar as …

Notícias - 16/10/2020

Marina Abramović terá a primeira obra de arte de realidade mista vendida em leilão

Marina Abramović é uma das artistas contemporâneas mais conhecidas do mundo, mas muito de seu trabalho é efêmero: performances que …

Notícias - 16/10/2020

Juíza anuncia nova decisão sobre caso Inhotim e surpreende

O instituto assinou um acordo em 2016 para doar 20 obras de seu acervo ao governo, a fim de reembolsar …

Notícias - 16/10/2020

Como obras redescobertas de velhos mestres vêm de destacando em leilões com números extraordinários?

A Christie’s realizará seu leilão de Velhos Mestres durante as vendas clássicas da semana na sede do Rockefeller Center. Ao …

Notícias - 16/10/2020

Escultura de Medusa nua vira símbolo do movimento #meetoo e causa polêmica

Na maioria dos casos de violência sexual, sempre se pergunta à vítima: ‘Bom, o que você fez para provocá-lo?’ Questões …