Transeuntis Mundi | MAC Niterói

O Museu de Arte Contemporânea de Niterói completou 25 anos, no dia 2 de setembro. E uma exposição inédita no Brasil fará parte das comemorações : “Web Derive 01”, do projeto Transeuntis Mundi, da artista transmídia, pesquisadora e musicista brasileira Cândida Borges e do artista colombiano e escritor Gabriel Mario Vélez. A obra, que já esteve em sete países, poderá ser vista em Niterói, primeira cidade brasileira a recebê-la.

O projeto está em constante construção desde 2018, retratando a transculturalidade que resulta das migrações, com captação em realidade virtual de pessoas (transeuntes) em várias cidades do mundo como Nova York, Londres, Rio de Janeiro e Bogotá. A obra é uma viagem pela vida cotidiana de várias partes do mundo, numa imersão de imagem e som 360 graus, que transporta o visitante por quatro continentes distintos.

A instalação foi vista presencialmente por mais de 3 mil pessoas desde seu lançamento, em 2019, na Feira Internacional do Livro e da Cultura, na Colômbia. Correu vários países, entre eles, Inglaterra, EUA com destaque para a Miami Art Basel e Portugal. Neste ano, fez parte de um dos principais festivais de inovação em arte na China, o NIME 2021 – New Interfaces for Music Expression. Na agenda futura ainda constam vários outros festivais internacionais.

Originalmente montada como uma instalação imersiva composta de realidade virtual, projeções e esculturas sonoras, em função da pandemia a obra tem sido apresentada em festivais online, podendo ser acessada por computadores e celulares.

No MAC, a obra será apresentada presencialmente, entre os dias 8 e 12 de setembro, e online, pelo site do MAC, até 30 de setembro (http://culturaniteroi.com.br/macniteroi/).

 

Compartilhar: