Thais Helt | AM Galeria

A exposição traz parte da série “Quase um museu de objetos esquecidos – Não precisa me explicar. É por isso que vim até aqui”, 2015/16 da mineira Thaïs Helt.
Apresentamos 80 das 300 caixas produzidas nos últimos dois anos; são livros-escultura, recortes, páginas-dobras geométricas, livros espaciais com espelho e zíper, com marcas de mãos ou de objetos-desenho, materiais de todo o tipo colecionados pela artista ao longo da vida.
Rua do Ouro, 136 Serra
Belo Horizonte

Compartilhar: