Rosana Paulino | MAB FAAP

A partir de 2 de outubro, a artista Rosana Paulino ocupa o Núcleo Especial da exposição “Palavras Somam”, em cartaz no MAB FAAP. A artista apresentará, pela primeira vez, a série completa da obra “Diário da Doença”, formada por 11 desenhos feitos em 1999. Na abertura, a artista estará presente para uma conversa com o público, das 18h às 20h.

Rosana Paulino é a quarta e última artista a ocupar o Núcleo Especial, que já apresentou obras de Walmor Corrêa, Lívia Aquino e Beth Moysés – essa última ainda em cartaz até 30 de setembro.

Os 11 desenhos de Rosana Paulino, que poderão ser vistos pelo público até 15 de dezembro, retratam o processo pelo qual a artista passou após descobrir uma doença 72 horas antes de viajar à Inglaterra para uma temporada de estudos no London Print Studio, em Londres. “A série foi uma maneira de digerir a tensão que passei na Inglaterra e a operação logo após a chegada ao país, vindo de um ambiente bem diferente”, diz a artista.

Rosana Paulino é artista visual, educadora e pesquisadora. Possui graduação pela Universidade de São Paulo e doutorado pela mesma instituição, na modalidade DD – Doutorado Direto. Suas obras questionam o local ocupado pela mulher negra no Brasil e os efeitos deletérios da escravidão na sociedade. Já expôs em importantes museus e tem obras em instituições como a Pinacoteca do Estado (SP), MASP (SP), MALBA (Argentina) e UNM – University of New Mexico Art Museum (USA).

Com curadoria de Laura Suzana Rodríguez, a exposição “Palavras Somam” joga luz sobre a presença e a potência da palavra nas artes visuais, reunindo obras do acervo do MAB FAAP e de artistas convidados que dialogam com essa temática. A entrada na mostra é gratuita e o público poderá visitá-la até 15 de dezembro.

 

Compartilhar: