Palestra com Elizabeth de Portzamparc | IED

A arquiteta e urbanista Elizabeth de Portzamparc, radicada em Paris há 50 anos, tem se destacado pelos projetos de grande porte vencedores em importantes concursos internacionais na França e na China. Ela irá falar no IED (Istituto Europeo di Design), na Urca, no Rio de Janeiro, nesta quinta-feira, 21 de março de 2019, sobre a “Nova arquitetura e a arquitetura de conexões”, em que abordará seus principais projetos e o conjunto de conceitos éticos que defende para uma arquitetura do século 21, como o desenvolvimento sustentável, as conexões sociais, o respeito ao contexto urbano, e a flexibilidade para o futuro, abrindo possibilidades para intervenções posteriores. Na ocasião lançará na cidade seu livro monográfico que percorre sua trajetória profissional.

A publicação editada pela The Images Publishing Group Pty Ltd,tem 256 páginas, formato de 30,6cm x 23cm, e texto do respeitado pesquisador norte-americano Philip Jodidio, autor de livros dedicados aos arquitetos Tadao Ando, Norman Foster, Renzo Piano, Jean Nouvel, Shigeru Ban, Oscar Niemeyer e Zaha Hadid.  O livro traz uma seleção de seus principais trabalhos em arquitetura, urbanismo, design, museografia e cenografia. Editado em quatro idiomas (português, francês, inglês e espanhol), o livro percorre a trajetória profissional de Elizabeth de Portzamparc ao longo dos últimos 30 anos.

Elizabeth de Portzamparc integra o Comitê de Honra do 27° Congresso Internacional de Arquitetos (UIA), que será realizado em 2020 no Rio de Janeiro.

Entre os projetos mais recentes de Elizabeth de Portzamparc estão o Musée de la Romanité, em Nîmes, inaugurado em junho do ano passado, e a torre-bairro com cerca de 300 metros de altura Taichung Intelligence Operation Center, em Taiwan, com inauguração prevista para 2021. Outro projeto vencedor, com as obras iniciadas em janeiro, é o Palácio das Ciências, em Zhangjiang, Xangai, com 90 mil metros quadrados.

Compartilhar: