Fabio Cardoso | Bolsa de Arte

A Galeria Bolsa de Arte tem o prazer de apresentar, a partir de 07 de março, das 11h às 15h, “Ode ao Pássaro”, exposição inédita do artista paulistano Fabio Cardoso. A mostra é composta por 12 pinturas de paisagens mentais inspiradas nos movimentos sinfônicos de Beethoven.

A Paisagem na pintura é sempre uma paisagem mental, que vai além da visualidade do real, do natural. Para o artista, a mata é a mais sinfônica das paisagens e essa é sua maior ligação com Beethoven, um revolucionário musical e pioneiro do movimento romântico.

A célebre “Nona sinfonia” de Beethoven é especialmente famosa por seu movimento final, que reúne coro e solistas para interpretar versos da “Ode à Alegria, de Friedrich Schiller, gênero até então exclusivamente instrumental, considerado um de seus mais notórios atos de visionarismo e rebeldia artística.

Em suas últimas séries de trabalhos, como as exibidas em São Paulo na Caixa Cultural, em 2016, Cardoso usava apenas tinta preta nas paisagens, em um processo de criação singular de subtração, onde o artista começa com uma tela coberta de tinta preta, que vai sendo removida com terebintina, até que as figuras apareçam.

Criadas em 2019 e 2020, as obras exibidas agora na Bolsa de Arte transitam entre a pintura e o desenho, que assim como a nona sinfonia de Beethoven ganhou vozes, pouco a pouco foram ganhando cor. Com uma nova concepção de luz, as novas paisagens de Fabio Cardoso permitem que todo o ambiente seja percebido e a perspectiva facilita o posicionamento dos elementos de cor em relação ao seu contexto físico.

Compartilhar: