AUSÊNCIA

A partir do dia 20 de maio, a galeria Georges Vincent da Aliança francesa Belo Horizonte recebe a exposição Ausência, com fotografias em preto e branco dos artistas mineiros Lívia Cristina e Victor Alcântara. Produzidas em filme, as imagens exploram contrastes entre os espaços abertos e fechados ou mesmo ameaçados de fechamento.

As oito fotos foram tiradas em localidades mineiras, como Morro Vermelho e Estrada do Serro, sempre em viagens juntos. Lívia tira fotos mais abertas, com um elemento que ameaça a amplitude do espaço. Victor explora os quadros mais fechados, cerrados. O nome da mostra foi escolhido principalmente pelo aspecto lacunar de todas as fotografias, sejam as paisagens de abertura ou fechamento, sempre compostas de esterilidade, aridez e abandono.

As imagens foram produzidas em película preto e branca para destacar o vínculo íntimo deste tipo de fotografia com o plano material: a luz passa pelo negativo, provoca a reação química e as transformações que fazem a passagem da imagem-luz do negativo para o papel. Esta escolha dá destaque ao uso do corpo e do contato real, mostrando a expressividade única de um produto efetivamente presente no mundo.

Lívia já expôs seus trabalhos em uma mostra individual e suas imagens ilustraram uma revista holandesa e um livro, em parceria com a poetisa Júlia Zuza. Antropólogo, Victor já apresentou suas fotos em parceria com textos de Luiz Eduardo Tassini, no Festival Mamute, em Lagoa Santa.

As informações da agenda são de responsabilidade das equipes de produção e divulgação das exposições e não representam o ponto de vista da Dasartes.

Compartilhar: