DASARTES 92

FÉLIX VALLOTTON
LEONARDO DA VINCI
JÉSUS RAFAEL SOTO
EL GRECO
SOFONISBA ANGUISSOLA
LAVINIA FONTANA
TÚLIO PINTO

CAPAFÉLIX VALLOTTON (1865-1925) registrou os levantes políticos e sociais do fim do século em Paris como nenhum outro artista de sua geração. Em pinturas sombriamente sugestivas e impressões gráficas sobressalentes, ele atacou a burguesia com humor aflitivo e desnudou a turbulência da vida urbana.

PANORAMA: No Louvre, retrospectiva sem precedentes da carreira do pintor LEONARDO DA VINCI ilustra como ele deu maior importância à pintura e como sua investigação do mundo, que ele chamou de “a ciência da pintura”, foi o instrumento de sua arte, buscando nada menos que trazer vida às suas obras-primas.

DESTAQUE: Estruturado em torno da concepção que JESÚS RAFAEL SOTO defendia da experiência estética em termos de temporalidade, intensidade e participação do espectador, a mostra A Quarta Dimensão oferece uma oportunidade incomum para reexaminar a trajetória de uma figura visionária, que transformou a arte da segunda metade do século 20.

DO MUNDO: Nascido em 1541 em Creta, EL GRECO fez seu primeiro aprendizado na tradição bizantina antes de aperfeiçoar seu treinamento em Veneza e depois em Roma. Mas foi na Espanha que sua arte floresceu e se estabeleceu de maneira duradoura. Há um lugar especial para ele na história da pintura: a do último grande mestre do Renascimento e o primeiro grande pintor do Século de Ouro.

FLASHBACK: Museu do Prado apresenta SOFONISBA ANGUISSOLA E LAVINIA FONTANA – História de duas pintoras, uma exposição que reúne pela primeira vez as obras fundamentais de duas das mulheres mais notáveis na história da arte na segunda metade do século 16 e que ficaram escondidas ao longo do tempo.

ALTO RELEVO: Mostra no MARGS, em Porto Alegre, chega para pontuar e celebrar o momento de adensamento da produção e de maturidade da trajetória do artista TÚLIO PINTO após expor na Bienal de Veneza.

Compartilhar:

DASARTES 12 anos