DASARTES 105

JAIDER ESBELL
LOUISE BOURGEOIS
MARIO CRAVO NETO
NIKI DE SAINT PHALLE
SHEILA HICKS
LUCAS QUINTAS

REFLEXO/CAPA
Partindo da noção de Artivismo — neologismo conceitual que abrange tanto o campo da arte quanto das ciências sociais — o artista e curador indígena da etnia makuxi JAIDER ESBELL combina pintura, escrita, desenho, instalação e performance para entrelaçar discussões interseccionais entre cosmologias, narrativas míticas originárias, espiritualidade, críticas à cultura hegemônica e preocupações socioambientais. Em ocasião de exposição na Galeria Millan, convidamos o artista para descrever o processo de inspiração para criação de quatro obras de sua carreira.

PELO MUNDO
A vasta e singular obra de LOUISE BOURGEOIS lida com temas indelevelmente associados a vivências e acontecimentos traumáticos da sua infância – a família, a sexualidade, o corpo, a morte e o inconsciente – que a artista tratou e exorcizou através da sua prática artística. Nova retrospectiva no Museu de Serralves, em Portugal, cobre seu arco temporal de sete décadas. Por Elisa Maia e Beatriz Coslovisks.

PANORAMA
Fotógrafo, escultor, desenhista e cineasta, MARIO CRAVO NETO (1947-2009) criou imagens vibrantes, nas quais investigou temas como a religiosidade, a natureza, o gesto e o sagrado. Sua obra é exibida na mostra Espíritos sem nome, em breve, no IMS Paulista, e inclui as principais séries produzidas entre as décadas de 1960 e 1990. Por Marcelo Campos.

DESTAQUE
O MoMA PS1 apresenta a primeira exposição em museu de Nova York da obra da visionária artista feminista NIKI DE SAINT PHALLE. Destacando a abordagem interdisciplinar de Saint Phalle e o envolvimento com as principais questões sociais e políticas, a exposição se concentra em trabalhos que ela criou para transformar ambientes, indivíduos e a sociedade. Por Drika de Oliveira.

ENTREVISTA
Os têxteis e as instalações da artista americana SHEILA HICKS (1934), uma das mais expresivas artistas internacionais em atividade hoje e vive em paris desde meados dos anos 1960, fogem às ideias tradicionais da arte têxtil e das técnicas de nó e tecelagem.

GARIMPO
Entre campos de cor e cálculos matemáticos, conheça a obra do artista LUCAS QUINTAS, o segundo vencedor do Prêmio Dasartes 2021 pelo voto popular. Por Leandro Fazolla.

RESENHA
Pintando de Paramaribo à Amsterdã o olhar de gerações. Confira resenha da exposição SURINAAMESE SCHOOL, no Stedelijk Museum, em Amsterdã. Por Sylvia Carolinne.

Notas do Mercado, Agenda, De Arte a Z, Livros completam esta edição de Março de 2021.

Compartilhar:

DASARTES 13 anos