Largo da Batata ganha banco do designer Hugo França.

Entrega acontece no próximo dia 25 e marca lançamento do programa municipal 'Mobiliário Ecológico'.

No último dia 25, a Secretaria Municipal do Verde e do Meio Ambiente (SVMA) lançou o programa municipal Mobiliário Ecológico, que prevê a instalação de bancos produzidos a partir de resíduos de árvores em espaços públicos da cidade. Para marcar o lançamento do Programa, será entregue, no Largo da Batata, o primeiro mobiliário do projeto, assinado pelo designer Hugo França.

O Programa, que conta com a parceria das Secretarias de Desenvolvimento Urbano e de Coordenação de Subprefeituras, tem o objetivo de reaproveitar os resíduos derivados de árvores que caíram ou foram removidas na capital, evitando o desperdício de madeira e transformando o material lenhoso em bancos para áreas públicas, parques e praças.

A ação pretende, ainda, combinar a ampliação da oferta de espaços de convivência no município com a difusão de conceitos ecológicos e artísticos, tornando o programa um instrumento de educação ambiental para o município. ”Sensibilizar o cidadão para a importância do processo de reciclagem é também um dos objetivos do projeto”, destaca Wanderley Meira, secretário municipal do Verde e do Meio Ambiente.

Atualmente, Hugo possui 21 peças de mobiliário público em São Paulo: 2 no Largo do Arouche, 3 no Burle Marx e 16 no Ibirapuera. O designer tem um projeto de dar um destino sustentável para as árvores que caem em SP e que normalmente são jogadas fora. Hugo já fez trabalhos similares no próprio Burle Marx, no Largo do Arouche e no Parque do Ibirapuera, onde há alguns bancos produzidos pelo artista e a obra Lúdica Teia, que é uma das mais bacanas pela interação que gera com as crianças no parque.

Ele é um dos designers brasileiros mais reconhecidos no exterior por conta desse trabalho de transformação de resíduos florestais em esculturas mobiliárias. Teve uma exposição bem grande no Miami Fairchild Garden que agora está indo pra NY, no Long House Reserve, uma espécie de museu ao ar livre em East Hampton. Uma de suas grandes vitrines é Inhotim (MG), que reúne mais de 100 peças que estão incorporadas em todo o espaço.

Também acaba de voltar do Canadá, onde promoveu workshops e produziu peças que serão expostas como mobiliário público em Vancouver, que aliás é uma cidade que tem muito o que nos ensinar em relação à sustentabilidade e urbanismo.

Serviço:
Lançamento do Programa Mobiliário Ecológico com o designer Hugo França
Data e horário: 25 de fevereiro, às 10h
Endereço: Largo da Batata – Av. Brigadeiro Faria Lima

Compartilhar: