Lançamento do Catálogo do Fórum Mundial de Bienais Nº2

Biennial Foundation, Fundação Bienal de São Paulo e ICCo – Instituto de Cultura Contemporânea, lançam publicação na Bienal de Veneza.

A publicação “Making Biennials in Contemporary Times”, uma coedição da Biennial Foundation, Fundação Bienal de São Paulo e ICCo – Instituto de Cultura Contemporânea, reúne ensaios sobre os temas abordados durante o Fórum Mundial de Bienais nº2, realizado em novembro de 2014, no Auditório Ibirapuera, em São Paulo.

O Fórum, organizado pelas mesmas instituições responsáveis pela edição do livro, reuniu representantes de 135 instituições culturais, de mais de cinquenta países representantes de todos os continentes. Em cinco dias de imersão, entre palestras, workshops e visitas culturais, foram debatidos temas transversais às Bienais, como a memória e o acervo das instituições, o educativo e a medição, a relação com o público e o local , o tempo e o espaço em que estão inseridos cada um destes diferentes eventos.

Atualmente existem cerca de 150 bienais de arte espalhadas e ativas pelo mundo, cumprindo diferentes funções e papéis no sistema da arte, seja apenas com influência local ou global, dependendo da dimensão do evento. O segundo Fórum, de fato, enfatizou as diferenças e semelhanças das Bienais presentes, desde a prestigiada Documenta de Kassel até a guerreira Bienal do Lubumbashi, no Congo. O evento aconteceu paralelo a 31ª Bienal de São Paulo, e teve como diretores artísticos os mesmos curadores da Bienal, que também assinam como editores da presente publicação: Charles Esche, Galit Eilat, Nuria Enguita Mayo, Pablo Lafuente, Luiza Proença , Oren Sagiv e Benjamin Seroussi..

Publicação com formato inovador, reúne ensaios sobre os temas debatidos durante o Fórum Mundial de Bienais nº 2, realizado em São Paulo, em 2014. Ao todo, o livro reúne 16 ensaios de curadores, pesquisadores, historiadores da arte, filósofos e jornalistas nacionais e internacionais. São eles: Ana Gonçalves Magalhães, Ana Paula Cohen, Anne Szefer Karlsen, Anthony Gardner, Cayo Honorato, Daniel Rangel, David Teh, Elvira Dyangani Ose, Fernando Oliva, Fabio Cypriano, Lucy Steeds, Manuela Moscoso, Marina Fokidis, Moacir dos Anjos, Övül Durmusoglu e Peter Osborne. Além de uma introdução dos editores assinada por Pablo LaFuente.

Com o intuito de ampliar e facilitar a difusão, diminuir custos e reduzir impactos ambientais foi decidido pelas instituições realizadoras que o formato prioritário de difusão da publicação será o digital. Contudo, após o lançamento da mesma em Veneza, será disponibilizado no site das instituições, dois arquivos configurados para impressão, sendo um para impressão caseira e outro com especificações profissionais para ser realizado em gráfica rápida, possibilitando assim, a todos que desejem, folhear o livro impresso e tê-lo a disposição em sua biblioteca.

O evento de lançamento da versão em inglês da publicação ocorre no dia 08 de maio, as 14hs, no Pavilhão do Brasil, localizado no Giardini, durante a semana de abertura da Bienal de Veneza, no mesmo dia que inaugura o pavilhão. Na oportunidade serão distribuídos pen-drives contendo os três arquivos do livro: digital, impressão caseira e impressão profissional, além de um manual com as especificações para cada uma das impressões.

O catálogo está disponível online pelo seguinte endereço:  http://issuu.com/iccoart/docs/wbf_book_r5_issuu

Compartilhar: