Festa da revista Amarello levanta Parque Lage

Parece que foi ontem, mas já se vão quase seis anos que o primeiro número da revista Amarello e seu conteúdo cult – que mistura arte, filosofia e outras formas de cultura contemporânea – chegou às livrarias. Queridinha do público descolado das maiores capitais, a Amarello também se tornou sinônimo de festa no em 2014, ao comemorar seus cinco anos com uma balada show disputadíssima em São Paulo.

Em 14 de agosto, foi a vez do Rio de Janeiro. Amarello reuniu uma trupe de jovens músicos em show no Parque Lage para prestar homenagem a Marina Lima, que chega aos 60 anos Fullgás. Marcelo Jeneci, Quinho, Ana Claudia Lomelino e Bruno Cosentino entoaram os maiores sucessos da cantora quintessencialmente carioca e puxaram-na ao palco para uma palhinha.

Amarello nasceu da cabeça de Tomas Biagi Carvalho, designer e criador do primeiro projeto gráfico da Dasartes, lá pelos idos de 2008. Nasceu parceira da Dasartes, dividindo o respeito pela arte e a vontade de aproximá-la de cada vez mais gente. A Dasartes festeja junto seu sucesso. Parabéns, Amarello!

Compartilhar: