Exposição Cabeça marca retrospectiva de Milton Machado

Milton Machado ganha retrospectiva de seus 45 anos de carreira no CCBB.

Para aqueles que não conhecem o trabalho do artista Milton Machado esta é uma oportunidade única, já aqueles que conhecem irão rever tudo como uma bela celebração. A pompa toda em questão é a realização da primeira retrospectiva de sua obra, marcando 45 anos de carreira. Intitulado como Cabeça, a exposição reunirá mais de 100 trabalhos – entre desenhos, pinturas, fotografias, vídeos e esculturas – produzidos entre 1969 e 2014, muitos deles inéditos.

Durante a mostra será lançado o livro-catálogo Cabeça, que traz o registro das principais obras do brasileiro acompanhadas e comentadas por uma seleção de textos críticos, analíticos, históricos e inéditos. Haverá também visitas guiadas pelo próprio artista, além de três debates com convidados.

As veias artísticas de Milton Machado mostram sua faceta multidisciplinar – de arquiteto, com mestrado em planejamento urbano e doutorado em artes visuais, longos anos de dedicação ao estudo e à prática amadora da música, sua atividade de escritor, palestrante e pesquisador – e pertencente a uma geração de artistas atuantes da década de 1970 com produções baseadas na experimentação e investigação conceitual.

A exposição ocupará as quatro salas do segundo andar do CCBB e a rotunda, onde serão instaladas as esculturas Módulo de Destruição (um cubo em perfis metálicos, com 380 cm de lado, em nova versão) e Nômade (2010), ambos elementos do trabalho-em-progresso História do Futuro, iniciado em 1978 e inédito na cidade carioca.

Outro destaque da coletânea é a série de desenhos Conspiração Arquitetura, com temas relacionados à arquitetura e ao urbanismo, exposta pela primeira vez na Galeria Sergio Milliet, Funarte, Rio de Janeiro, em 1981. A maior parte dos trabalhos da série pertence à coleção Gilberto Chateaubriand/MAM-RJ, e raramente é mostrada ao público. Ficará exposta na primeira sala.

A segunda sala reunirá esculturas, pinturas, objetos e desenhos de diferentes épocas. Dentre os destaques, a escultura Semáforo, exposta na 19ª Bienal de São Paulo, em 1987.

Na terceira sala serão mostrados fotografias e vídeos, de diversas épocas. Entre as mais recentes, as inéditas Michelangelo com Faróis (Nova York, 2010) e Two Weddings (San Francisco, 2012), produzidas especialmente para a exposição no CCBB.

Já a última receberá História do Futuro, com desenhos, fotografias, estudos preliminares, o livro de mesmo título e o vídeo produzido para a 29ª Bienal de São Paulo.

E por fim, a inquietação não poderia ser diferente, e o multiartista carioca, de 67 anos, é o responsável pela curadoria da exposição Cabeça.

Serviço
CABEÇA
Centro Cultural Banco do Brasil Rio de Janeiro
Abertura para convidados: terça-feira, dia 5 de agosto de 2014 – às 19h30
Visitação: de 6 de agosto a 29 de setembro de 2014
De quarta-feira a segunda-feira, de 9h às 21h
Entrada gratuita
Rua Primeiro de Março, 66.
Informações: (21) 3808-2020
www.bb.com.br/cultura/ www.twitter.com/ccbb_rjwww.facebook.com/ccbb.rj

 

Compartilhar: