Ronaldo Grossman – Meia-Noite

© Divulgação

© Divulgação

Depois de mais de uma década na Europa, onde estudou na Ar.Co em Portugal e expôs em diversas galerias e instituições, o carioca Ronaldo Grossman apresenta trabalhos inéditos em sua primeira exposição individual em São Paulo. Com o título de “Meia-Noite”, a série de pinturas cria um jogo de olhar com o público, atraído pelas ilusões de ótica criadas por linhas e planos infinitos. De imediato a pintura de Ronaldo Grossman pode remeter à obra concreta e a certo parentesco com a op art, por seus efeitos meramente aparentes. Entretanto, as questões que norteiam seu trabalho se diferem do comportamento e da ética desses modelos históricos. Em suas pinturas, o artista mantém uma relação às avessas com esse passado histórico. Sem corroborar o puro formalismo ótico do concretismo ou da op art, em sua acepção mecanicista, reatualiza em parte seus modelos, mas apenas como instrumento para repensar a ordem como espaço fenomenal, e não como um simples jogo de espelho. “Meia-Noite” terá uma abertura estendida, durante os dias 30 e 31 de maio, das 11 às 17 horas na Galeria Rabieh, na Alameda Gabriel Monteiro da Silva,147, Jardins.

Compartilhar: