Bia Lessa | Territórios

Exposição “Territórios”, de Bia Lessa
CRAB (Centro Sebrae de Referência do Artesanato Brasileiro), Rio de Janeiro.

Fotos: Paulo Jabur / Divulgação

O CRAB inaugurou para convidados nesta quinta-feira, dia 19 de janeiro (e a partir do dia 20 para o público), a exposição “Territórios”, com direção geral e concepção visual de Bia Lessa, que transformou três espaços do CRAB, na Praça Tiradentes, em ambientes de imersão de forma lúdica e atraente para o público conhecer o universo dos artesãos de Poço Redondo, a pequena cidade em Sergipe onde foram mortos Lampião e Maria Bonita.
Para a montagem, Bia Lessa trabalhou com mais de 60 pessoas, em três equipes. Uma das salas tem as paredes bordadas com fios de lã vermelha. Outra revela quem são, o que pensam e sentem os artesãos em frases escritas com mais de 2 milhões e 419 mil pregos, que formarão as palavras. Bordadeiras da Coopa-Roca bordaram mais de 40 metros de tecido para contar as atividades das rendeiras e outros artesãos sergipanos.
A curadoria é de Renata Piazzalunga, do Instituto de Pesquisas em Tecnologia e Inovação, que realizou o projeto em cinco municípios de Sergipe e Alagoas, durante três anos, usando uma metodologia inovadora de valorização do trabalho dos artesãos.

Compartilhar: