Laura Belém é a única artista brasileira selecionada para os Projetos Solos da PARC

laura-belem-reconstrucao-1

A artista Laura Belém (Belo Horizonte, 1974), representada pela galeria carioca Athena Contemporânea, é a única artista brasileira selecionada pela curadora mexicana Daniela Pèrez para os Projetos Solos (Solo Projects), da Peru Arte Contemporânea (PARC), que acontece de 20 a 23 de abril, no MAC Lima, no Peru.

Laura Belém apresentará 11 fotografias inéditas da série “Reconstrução” (2017), que medem 40cmX51cm cada. Em 2014, a prefeitura de Belo Horizonte cortou várias árvores centenárias de uma importante avenida do centro da cidade, alegando a existência de uma praga, o que se provou ser controverso. A população local e ambientalistas protestaram, mas, mesmo assim, mais de dez árvores foram cortadas ao meio, permanecendo no local seus troncos mortos. As árvores não voltaram a crescer e a artista fotografou esses troncos com filme em preto e branco e, em seguida, realizou composições com cristais e pedras semipreciosas sobre as imagens impressas. As composições foram então fotografadas novamente e deram origem à série.

Além de Laura, também foram escolhidos os artistas Juanli Carrión (Espanha), Emilia Azcárate (Venezuela), Emanuel Tovar (México), Andrés Marroquín W. (Peru) e Rubela Dávila. Eles concorrem a um prêmio de 5 mil dólares para o primeiro colocado e a uma residência na Mana Contemporary, uma das maiores e mais inovadoras organizações de arte dos EUA, para o segundo colocado. O prêmio tem como objetivo difundir a Arte Contemporânea na América Latina, apoiando o crescimento da comunidade artística.

Compartilhar: